Justiça

Prisão em flagrante de Victor Yan é convertida em prisão preventiva pela Justiça

Victor Yan Barros de Araújo foi o responsável pelo acidente no Jaracati que vitimou quatro pessoas no último domingo

Reprodução

A Justiça do Maranhão converteu nesta terça-feira, 10, em prisão preventiva a prisão em flagrante de Victor Yan Barros de Araújo. Ele irá responder por lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e homicídio culposo (quando não há intenção de matar). Cabe lembrar que Victor Yan, segue hospitalizado em uma Unidade Médica da capital.

Segundo informações da delegada de Acidente de Trânsito (DAT), Rosa Maria Nava, duas testemunhas já foram ouvidas e o caso continua sendo investigado. A Justiça determinou que sua alta seja informada a fim de que seja agendado o seu depoimento.

A delegada da DAT ainda informou que Victor Yan se recusou a realizar o teste do bafômetro e exames de sangue, mas um termo lavrado comprova que o mesmo apresentava sintomas de embriaguez ao volante.

Leia também:

Informações dão conta de que o motorista estava a 100km/h, sendo que a permitida na via era somente de 60km/h. A causa do acidente foi a perda total da direção aliada à velocidade excessiva em que o veículo trafegava no último domingo, 8 de setembro, o que ocasionou a morte de quatro pessoas e pelo menos cinco ficaram feridas no bairro do Jaracati, em São Luís.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias