CORONAVÍRUS

No Maranhão

1464
66091
41773
1607
COMPORTAMENTO

6 atitudes que podem ajudar a controlar a ansiedade na quarentena

Em momentos como este, o atendimento psicológico se torna fundamental.

A ansiedade costuma ser uma reação normal, geralmente manifestada em situações que parecem, de algum modo, ameaçadoras.

Em tempos de pandemia, muitas pessoas tiveram suas rotinas afetadas e, em alguns casos, o medo em relação ao futuro pode gerar elevação dos níveis de ansiedade, que na forma patológica, pode ser percebida em sintomas como falta de ar, preocupações excessivas, taquicardia, tremores, medo de morrer e mãos frias e suadas.

O psicólogo Bruno Luiz Avelino Cardoso, Mestre em Psicologia pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e Doutorando em Psicologia (Comportamento Social e Processos Cognitivos) pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) afirma que é importante perceber quando essa reação está causando sofrimento para buscar ajuda especializada.

Além da ajuda de um profissional, algumas atitudes podem ser tomadas na rotina para ajudar a controlar os níveis de ansiedade.

Confira algumas dicas do psicólogo Bruno Cardoso:

Reconheça seus próprios limites

Reprodução

Em situações novas, é importante reconhecer os próprios limites, já que cada pessoa tem um jeito próprio de viver suas experiências e lidar com as diferentes situações. Alguns conseguem fazer cursos e exercícios, mas outros não, e é preciso entender que está tudo bem. É preciso evitar as comparações.

Próxima »1 / 6
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias