CORONAVÍRUS

No Maranhão

3753
180887
173987
3923
DIA DOS NAMORADOS

Conheça as maiores histórias de amor da literatura

Os livros mais citados foram reunidos em uma lista, sem critério classificatório

Reprodução

Ao longo da história, o amor foi tema central de obras que se transformaram em verdadeiros ícones da literatura. Os livros mais citados foram reunidos em uma lista, sem critério classificatório. Entre elas estão “Romeu & Julieta” (1957), de William Shakespeare, uma das histórias românticas mais difundidas em todo o mundo; “O Amor nos Tempos de Cólera” (1985), de Gabriel García Márquez, cujo enredo foi inspirado na paixão proibida vivida pelos pais do autor; e “O Corcunda de Notre Dame” (1831), de Victor Hugo, que aborda as diferentes facetas do amor: da possessão ao amor ideal e puramente afetuoso. Os comentários são adaptados das sinopses das editoras.

Romeu e Julieta (1957), William Shakespeare

Romeu e Julieta não são apenas os nomes dos protagonistas da peça shakespeariana, mas identificam ícones intemporais do amor romântico, universalmente reconhecidos. A trama marcada pelo relacionamento proibido que acaba em tragédia é a história de amor mais difundida da história da literatura, e já ganhou dezenas de adaptações para a TV e o cinema.

O Morro dos Ventos Uivantes (1847), Emily Brontë

Na fazenda chamada Morro dos Ventos Uivantes nasce uma paixão devastadora entre Heathcliff e Catherine, amigos de infância e cruelmente separados pelo destino. Mas a união do casal é mais forte do que qualquer tormenta, e acaba deixando rastros de ira e vingança. O único romance escrito por Emily Brontë, e uma das histórias de amor mais belas de todos os tempos, a obra tornou-se um clássico da literatura inglesa.

Próxima »1 / 8
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias