CORONAVÍRUS

No Maranhão

3733
181545
174412
3939
EDUCAÇÃO

Novo ministro da Educação deverá ser sabatinado por deputados

Deputados pretendem promover uma sabatina com o quarto ministro da Educação do governo Bolsonaro

(foto: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)

Um dos primeiros compromissos do novo ministro da Educação, Milton Ribeiro, será participar de uma sabatina no Congresso Nacional. Antes mesmo da nomeação dele, na última quinta-feira, um pedido de convocação do professor e pastor já circulava na Câmara. Autor da proposta, o deputado federal Professor Israel Batista (PV-DF) explicou que o requerimento foi motivado pela falta de coordenação dos ex-ministros do governo Bolsonaro que ocuparam a pasta.

“Nossa intenção não é intimidar ou fechar o cerco, mas abrir o diálogo e ter a certeza de que as pautas do MEC serão baseadas em mais ação e menos discursos ideológicos que só geram curtidas nas redes e nada resolvem”, esclarece Israel Batista. Pouco conhecido no meio, Milton Ribeiro defendeu o ensino público, o “diálogo com educadores” e o Estado laico, no discurso de posse, na última quinta-feira. Mas não tocou em temas urgentes do setor, como o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e os desafios impostos pela covid-19.

Para tratar de assuntos como esses é que os deputados pretendem promover uma sabatina com o quarto ministro da Educação do governo Bolsonaro. “É um momento importante, também, para que ele ouça o que os parlamentares da educação consideram medidas prioritárias”, pontua. Ele avisa que cobrará do ministro um planejamento estratégico para a Educação. O requerimento conta com mais de 100 assinaturas, entre as quais, as de Tabata Amaral (PDT-SP), Alessandro Molon (PSB-RJ) e Zé Silva (Solidariedade-MG).

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias