Saída

Prefeito de Açailândia renuncia ao cargo por motivos pessoais

Juscelino Oliveira alegou estar enfrentando sérios problemas de saúde em virtude do cargo

Reprodução

O prefeito de Açailândia, Juscelino Oliveira renunciou ao cargo na última quinta-feira (22) por meio de uma carta enviada ao presidente da Câmara de Vereadores que foi lida na sessão extraordinária.

De acordo com o documento, o motivo alegado por Juscelino para a sua saída são “motivos pessoais” e “coerente apelo familiar”. Além disso, o prefeito afirmou que sofreu um agravamento do seu estado de saúde em virtude do desgaste físico e mental das responsabilidades do cargo.

Juscelino também descartou qualquer influência dos problemas enfrentados em sua gestão que justifiquem sua saída. “Nesse sentido, descarto qualquer outra motivação para minha atitude que, nem de longe, está atrelada a quaisquer fatos ou circunstâncias relacionada à administração pública municipal ou a pessoas”, diz ele no texto.

Com isso quem assume a Prefeitura de Açailândia é o vice, Aluísio Silva Sousa.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias