POSSE

PCdoB assume presidência do Executivo e Legislativo ao mesmo tempo

Durante a posse, Othelino Neto afirmou que irá respeitar as divergências existentes entre os deputados da base governista e da oposição

Foto: Reprodução

Agora é oficial: o deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) é o novo presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema). Na manhã de ontem, 4, um ato administrativo foi feito para oficializar a condução do parlamentar à presidência da Casa. A solenidade foi bastante simples e bem discreta, uma vez que não havia clima para uma grande celebração. Esta será a primeira vez na história que o PCdoB comandará os poderes Executivo e Legislativo de um estado ao mesmo tempo.

Após a formalização, que foi realizada na sala da Presidência, Othelino disse que o ato foi discreto por conta da morte do deputado Humberto Coutinho (PDT) e do próprio pai do novo presidente, Othelino Filho, há menos de um mês. Sem festa, coube ao novo presidente da Assembleia Legislativa utilizar um discurso pacificador para conseguir administrar as tensões internas.

Othelino Neto assume o cargo, agora de forma definitiva, com a missão de harmonizar a Casa, principalmente em um ano eleitoral quando as discussões tendem a ficar mais acaloradas. A busca por harmonia era uma postura que muitos aguardavam do novo presidente e não chega a ser surpresa. Enquanto substituiu Humberto Coutinho no comando da Casa, preferiu sempre adotar uma postura mais conciliadora. E é assim que ele pretende conduzir os trabalhos neste restante de mandato.

“Estamos ainda num momento de tristeza e muito pesar com o falecimento do presidente Humberto, mas esse rito formal tinha que ser feito. Como ele era sempre preocupado que a Assembleia continuasse seu ritmo e sua rotina, agora vamos dar prosseguimento ao belo trabalho que foi feito por ele. Não só internamente, mantendo a harmonia entre os deputados de diferentes correntes, que são marcas características de um Parlamento, mas trabalhando principalmente para ajudar a melhorar a vida dos maranhenses, porque é à população que devemos a maior satisfação”, garantiu Othelino.

O novo presidente da Casa afirmou, ainda, que irá respeitar as divergências existentes entre os deputados da base governista e da oposição. Othelino explicou que seu mandato será transparente a respeito da atividade do Poder Legislativo e haverá abertura total à imprensa.

Posse concorrida

Foto: Reprodução

Apesar de ter sido uma solenidade de posse discreta, o evento foi bastante concorrido. Deputados estaduais e federais marcaram presença, assim como o secretário estadual de Saúde, Carlos Lula, e o presidente da Agência Metropolitana, Pedro Lucas Fernandes. O governador em exercício, Carlos Brandão, também prestigiou a posse de Othelino Neto.

“Desejo sucesso ao amigo e parceiro e vamos continuar andando de mãos dadas como foi na gestão do Humberto”, disse Brandão durante a solenidade.

Outro que desejou sucesso ao novo presidente foi o deputado federal José Reinaldo. “Vim prestigiar a posse do amigo Othelino, mesmo nesse momento triste, mas a vida tem que continuar, e desejar sucesso muito grande e contribuir para o sucesso de sua gestão”, garantiu. O deputado André Fufuca fez votos na mesma linha e assegurou que Othelino tem condições de fazer um trabalho à altura do executado por Humberto Coutinho.

Coletiva

Após o ato na Presidência, Othelino concedeu entrevista coletiva no Plenarinho, acompanhado pelos deputados Cabo Campos (DEM), Glaubert Cutrim (PDT), Fernando Furtado (PCdoB), Stenio Rezende (DEM) e Rafael Leitoa (PDT).

Othelino Neto respondeu a várias perguntas, sobre diversos tópicos, como a escolha do 4º vice-presidente, que se dará após o início dos trabalhos legislativos, em fevereiro. Disse também que vai manter harmonia entre os poderes, mesmo nesses momentos de crises financeira, política e até institucional do país.

Pediu paciência e compreensão aos colegas de plenário, nesse momento de efetivação no exercício da Presidência. “Mas vai ser difícil fazer um trabalho à altura do que foi realizado por Humberto”, afirmou.

VER COMENTÁRIOS
LER MATÉRIA COMPLETA
MOSTRAR MAIS