Tratamento de Saúde

Edivaldo Holanda ficará quatro meses afastado do cargo

Edivaldo ficará ausente do parlamento até 3 de fevereiro de 2018, mas pode retornar antes caso se sinta preparado.

Após dois anos de ter iniciado o tratamento contra um câncer no intestino, o Deputado Estadual Edivaldo Holanda Braga (PTC), anunciou em discurso nesse segunda-feira, dia 2, que vai tirar mais uma licença de 121 dias para poder cuidar de sua saúde.

Ele irá voltar ao Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, onde iniciou seu tratamento em 2016. Durante sua ausência, nos próximos quatro meses o primeiro suplente Domingos Erinaldo Sousa Serra, conhecido como Toca Serra (PTC), assume o posto.

Edivaldo ficará ausente do parlamento até 3 de fevereiro de 2018, mas pode retornar antes caso se sinta preparado.

Foto: Reprodução

O câncer do qual o deputado se trata é um linfoma no duodeno (na primeira seção do intestino delgado), e é considerado pelos médicos como de baixo grau de malignidade.

No discurso, o deputado anunciou sua licença e fez referência a gestão o Prefeito Edivaldo Holanda Júnior: “Senhor Presidente, ao me despedir desta Casa por alguns meses para tratamento de saúde, não poderia deixar de trazer à tribuna do Maranhão, por ser de justiça, o tema relacionado à educação”.

Pegos de surpresa, os deputados Bira do Pindaré (PSB), Max Barros (PRP), Othelino Neto (PCdoB) e Rafael Leitoa (PDT), desejaram sucesso ao colega parlamentar no seu tratamento.

“Saudades maiores levo eu do plenário, dos funcionários, da imprensa, dos amigos. Mas Deus está no controle de todas as coisas, inclusive, e principalmente das nossas vidas.”, disse Edivaldo Holanda, finalizando seu discurso.