CURA GAY

“Os héteros também deviam ir ao psicólogo”, diz Miss Gay MA

Alvo de preconceito desde sua vida escolar, Jonathas Costa (ou Nick Wyatt) tem opinião formada sobre o assunto em voga no noticiário, a “Cura Gay”.

Nick Wyatt foi eleita Miss Maranhão Gay 2017

O estudante de pedagogia Jonathas Costa tinha um sonho desde criança, quando observava pela tevê os concursos de beleza. “A gente que nasce homossexual, ver a Vera Fisher, Ava Simões – transformista do Espirito Santo, eleita Miss Brasil Gay em 2009 – e outras foram Misses, a gente se espelha em um dia ser como elas”, lembrou.  Jonathas decidiu então, há 5 anos, se travestir de feminilidade em festas e desenvolver a personagem Nick Wyatt.

Este ano, Nick representou Imperatriz no Miss Maranhão Gay. Após um quarto e quinto lugar em edições anteriores do evento, Nick foi sagrada campeã de 2017. O evento aconteceu no último sábado (16), no Panette Buffet, no bairro do Calhau, em São Luís. “Esse ano eu me preparei mais. Fiz 5 meses de preparação física e mental intensa”, contou.

Criticada, Nick emagreceu 20 quilos para a participação. “Foi um sonho realizado, uma sensação única. Quando vejo as fotos, começo a chorar”, declarou. Em segundo lugar, ficou Kiara Kessal, que levou o título de Miss Gay São Luís – ela representou o município de Santa Helena.

Alvo de preconceito desde sua vida escolar, Jonathas Costa (ou Nick Wyatt) tem opinião formada sobre o assunto em voga no noticiário, a “Cura Gay”. “Não temos remédio no posto para gripe, imagine para curar um gay?”, ironizou.

Participante da ONG Gayvota – organização não governamental que trabalha a política sócio-cultural, a cidadania, a prevenção e a violação dos direitos dos gays, lésbicas, travestis e transgêneros de São Luís -, Jonathas é militante da causa. “Eu nasci desse jeito, eu não tenho doença”, e remata: “Se eu devo ir ao psicólogo para saber se sou gay, os heterossexuais também deveriam ir para saber se são héteros de verdade.”

Em janeiro, Nick inicia os preparativos para o Miss Brasil, que contarão com aulas de ginástica, dicção e desfile. “Meu vestido está sendo produzido fora, em um ateliê que já teve várias misses campeãs e vai custar 7 mil reais”, orgulhou-se. Ela promete trazer a coroa para o estado. “Vou dar o meu melhor”.