Feriado

Estudantes fazem desfile em comemoração à Semana da Pátria

O desfile foi realizado nesta quarta-feira (6) entre as 17h e 18h com participação de pelo menos 900 estudantes

Reprodução

Estudantes da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Sá Valle, comemoram a Semana da Pátria com um grande desfile cívico que teve a participação de mais de 900 estudantes. Pais, professores, coordenadores pedagógicos, gestores e moradores dos bairros Anil, Pão de Açúcar e adjacências acompanharam o cortejo, realizado na tarde de quarta-feira (06) que percorreu as principais ruas do entorno da escola. O desfile começou às 17h e encerrou às 18h.

A maioria dos desfiles realizados pelas escolas da rede municipal de São Luís, desde segunda-feira (4), deram também destaque ao aniversário da cidade, que completará 405 anos nesta sexta (8).O secretário municipal de Educação Moacir Fietosa parabenizou o esforço dos professores, coordenadores e gestores das escolas da rede que dedicaram parte do seu tempo para fazer os desfiles.

“Despertar valores de cidadania e civismo é parte do trabalho de excelência que os professores têm feito desde os primeiros anos da Educação Infantil ao Ensino Fundamental. Os nossos docentes estão de parabéns”, declarou o professor Moacir Feitosa.

Os estudantes foram divididos em pelotões/alas que retrataram temáticas alusivas ao meio ambiente, história das raças, igualdade social e outras sobre ética e cidadania. Segundo a professora Fernanda Almeida Brennad Helel, do 5º ano na U.E.B. Sá Valle, o desfile também foi organizado para fazer o lançamento do projeto “Um por todos e todos por um: pela ética e cidadania”, em parceria com a Controladoria Geral da União (CGU).

A concentração do desfile da U.E.B. Sá Valle foi no pátio da escola, onde os estudantes cantaram o Hino Nacional antes de iniciar o percurso. A professora Fernanda Brennad Helel conta que o projeto “Um por todos e todos por um” vai trabalhar durante este segundo semestre com questões sobre ética e cidadania, promovendo inclusive o esporte e promovendo a autoestima de crianças e adolescentes. “Até questões mais complexas, como leis, poderes e divisão política serão tratadas nas últimas lições do projeto”, informa a professora.

Bem à frente de um dos pelotões, estava Vithor Gabriel Maia da Silva, de 6 anos, filho da dona de casa Joina Cristina da Silva Maia. Vithor tem paralisia cerebral desde o nascimento, e sua mãe dedica parte do seu tempo para envolver o filho em atividades que promovam o seu desenvolvimento e inclusão. “Não gosto que meu filho falte às aulas e procuro ser uma cooperadora da escola trazendo o meu filho para todas as atividades extraclasses e para eventos e comemorações, pois sei que isso é bom para o crescimento dele”, conta.

O 1º Sargento Juarez Aquino Junior, que tem um filho e uma filha estudando na U.E.B. Sá Valle, acompanhou o desfile, destacando a importância de se trabalhar valores de ética e cidadania desde a infância, “para que tenhamos adultos conscientes de seus direitos e deveres, e lutam pela justiça social”.

PELA CULTURA DE PAZ

Quem também comemorou a Semana da Pátria foi a U.E.B. Bernardina Spindola, localizada no Centro de São Luís, que realizou mais uma edição da caminhada cívica “Promovendo uma cultura de paz”, em comemoração ao dia 7 de setembro, data que é celebrada a Independência do Brasil. Mais de 100 crianças, de 2 a 5 anos, da Creche ao Infantil II, desfilaram nas proximidades da escola, na segunda-feira (4), acompanhados da banda dos bombeiros mirins, pais, professores e toda comunidade escolar.
Para a coordenadora do projeto, Kátia Castro, a atividade, que tem como tema a cultura de paz, é importante relembrar momentos da história do país correlacionado a um resgate para crianças e os familiares sobre valores e cidadania. “É importante promover na escola, em sala de aula, e na família, atividades que favoreçam a convivência pautada na tolerância, no diálogo e no respeito às diferenças para assegurar que os conflitos inerentes ao relacionamento humano sejam resolvidos de forma não violenta, com base na justiça, na liberdade, equidade, solidariedade, e dignidade humana”, disse.

As crianças da U.E.B. Bernardina Spindola desfilaram divididas em pelotões: semente da paz; defesa da natureza; direitos da criança; e valores e cidadania. “Uma cultura de paz e não violência convida para que cada pessoa assuma sua responsabilidade em converter em realidade os valores, as atitudes, e os comportamentos que fomentam a cultura da paz”, comentou a gestora Silvia Stela.

Na manhã de quarta-feira (6), também desfilaram os alunos das escolas Justo Jansen (Centro), Luís Augusto Monier Alves (Gancharia, zona rural), Olívio Castelo Branco (Anil) e Mário Pereira (Vila Sarney). A concentração dos estudantes da U.E.B. Maria Pereira foi perto do Campo da Juventude, e o desfile percorreu toda a rua do Ribeirão – a principal do bairro. Fardados, os estudantes usaram viseiras e bandeirolas alusivas ao aniversário da cidade e à Semana da Pátria.

MOSTRAR MAIS