SEGURANÇA

Maranhenses receberão alerta de desastres a partir desta segunda

As mensagens serão enviadas em caso de inundações, risco de deslizamento de terra, temporais e outros eventos.  O serviço é gratuito e será preciso se cadastrar para receber

Foto: Reprodução

A partir desta segunda-feira, 26, moradores e turistas do Maranhão poderão receber alertas  de desastres naturais  pelo celular. As mensagens serão enviadas em caso de inundações, risco de deslizamento de terra, temporais e outros eventos que possam atingir a região.  O serviço é gratuito.

Os interessados em receber os alertas devem responder a mensagem automática com o seguinte informe: “Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse”. Caso não receba,  a pessoa pode se cadastrar pelo mesmo número, 40199. O serviço pode ser cancelado sem custos.

Sistema Nacional de Alerta de Desastres Naturais

O sistema começou a funcionar em outubro do ano passado. Coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, o projeto tem parceria com a Agência Nacional de Telecomunicação (Anatel) e empresas de telefonias móveis. Até o momento já foram enviadas 43 milhões de mensagens de alertas a 2,3 milhões de pessoas em todo o Brasil, segundo o Sindicato Nacional de Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (Sinditelebrasil).

Com a chegada do sistema as regiões Norte e Nordeste, o sistema se tornará operacional em todo país. Essa foi uma decisão das operadoras de telefonia móvel que anteciparam a data,  antes  fixada para 19 de março.

Sistema chega em boa hora

Com a chegada do período chuvoso 8 cidades maranhenses estão sendo monitoradas pela Defesa Civil: Marajá do Sena, Imperatriz, Caxias, Pedreiras, Trizidela do Vale, Cantanhede, Nina Rodrigues e Lago dos Rodrigues. Em Marajá do Sena, chuvas fortes deixaram 200 pessoas desabrigadas além de afetar estrutura de escolas e pontes.

Chuvas de fevereiro já superaram a previsão para todo o mês. Nesta sexta, 23, o governador se pronunciou em vídeo, pelas redes sociais tranquilizando a população.  “Estou recendo diariamente um relatório do corpo de Bombeiros que mostra a situação de cada uma dessas cidades”, afirmou o governador durante a gravação.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS