CORONAVÍRUS

No Maranhão

568
353095
309592
10120
VACINAÇÃO

Maranhão já vacinou 1,3 milhão de pessoas contra a gripe

O objetivo é de alcançar ainda 2.395.835 pessoas, de acordo com meta estabelecida pelo Ministério da Saúde.

Para vacinar a pessoa deverá apresentar documento oficial com foto, cartão do SUS e carteira de vacinação. (Foto: Divulgação)

No total, 1.320.989 pessoas já foram vacinadas contra a gripe no Maranhão. A 23ª Campanha de Vacinação ainda acontece nos 217 municípios maranhenses, com o objetivo de alcançar 2.395.835 pessoas, de acordo com meta estabelecida pelo Ministério da Saúde.

“Temos como objetivo garantir pelo menos 90% da meta estabelecida de cobertura vacinal, referente aos grupos prioritários estabelecidos. Por isso, para evitarmos a doença e suas complicações, em especial nas pessoas consideradas de maior risco, seguimos com a campanha em todo o estado”, disse a chefe do Departamento de Imunização da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Halice Figueiredo.

Entre o público vacinado estão 479.114 crianças, 390.711 idosos e 104.003 pessoas sem comorbidades. Os grupos de trabalhadores da saúde, pessoas com comorbidades, gestantes, professores, povos indígenas, dentre outros, somam 347.161 vacinados.

Para abranger todas as pessoas, estão disponíveis em São Luís, vários pontos de vacinação como as Policlínicas da Cidade Operária, Vinhais e Vila Luizão, além dos Hospitais Genésio Rêgo, na Vila Palmeira, e Aquiles Lisboa, no Bonfim.

Segundo a coordenadora de Enfermagem da Policlínica Cidade Operária, Anny Corrêa, cerca de 300 pessoas são vacinadas na sala de imunização da unidade.

Para vacinar a pessoa deverá apresentar documento oficial com foto, cartão do SUS e carteira de vacinação. É importante destacar que, segundo orientação do Ministério da Saúde, as vacinas contra a gripe e Covid-19 não poderão ser administradas de forma simultânea. Dessa forma, as pessoas que ainda não tiverem recebido a primeira dose contra a Covid-19 deverão, preferencialmente, se imunizar contra a Covid-19 e agendar a vacina Influenza, respeitando um intervalo de 15 dias entre cada uma.

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias