CORONAVÍRUS

No Maranhão

2797
248479
224830
6512
NOVAS MEDIDAS

Maranhão ultrapassa 5 mil mortes por coronavírus

O governador anunciou a suspensão temporária de cirurgias eletivas, abertura de novos leitos, UTI aérea, canal de televisão exclusivo para aulas e vagas de emprego e estágio para jovens

Foto: reprodução.

Durante coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (26), o governador Flávio Dino (PCdoB) informou que o estado do Maranhão atingiu a marca de 5 mil mortes em decorrência da Covid-19. O primeiro óbito pela doença foi registrado em 29 de março de 2020.

“Sabemos que a violência urbana assusta. Lamentavelmente nós perdemos 50, 60 mil vidas por ano em face de crimes violentos. Para o coronavírus no Brasil nós já perdemos 250 mil pessoas, seres humanos. É como se 4 anos de crimes violentos tivessem ocorrido em um único ano. Em nosso estado chegamos a marca de 5 mil óbitos em face do coronavírus”.

Flávio Dino, governador do Maranhão.

Dino anunciou medidas de reforço em assistência a saúde e descartou, em um primeiro momento, medidas mais restritivas como a de Lockdown.

Preocupação nas duas maiores cidades do estado:

O governador também ressaltou que a rede de saúde nunca foi colapsada no estado, mas a demanda está em crescente com uma maior pressão em São Luís, onde 89% dos leitos de UTI e 55% dos leitos clínicos estão ocupados e também em Imperatriz, onde o quadro é mais preocupante com 89% dos leitos de UTI e 98% dos leitos clínicos ocupados, o que representa um esgotamento simultâneo nos leitos do sistema de saúde estadual. É em Imperatriz também onde o governo mais tem feito esforços para transferir pacientes via ambulâncias ou leito aéreo.

Segundo Dino, em 2021, 359 leitos já foram implantados no estado, o que representa uma média de implantação de 06 novos leitos por dia. A previsão de inauguração do hospital de campanha em Imperatriz é no dia 08 de março. O hospital é uma parceria entre Governo do estado, a Empresa Suzano e a Associação Comercial de Imperatriz que ficou responsável por ceder o espaço.

Veja também: Imperatriz tem 92% dos leitos ocupados; 4 pacientes foram transferidos para São Luís

Novas medidas para contenção do avanço da doença no estado:

  • Suspensão parcial das cirurgias eletivas em alguns hospital da rede estadual, como o Carlos Macieira em São Luís e o Macrorregional de Imperatriz. A decisão não suspende cirurgias de emergência e fica sob responsabilidade dos médicos. Dino esclareceu que a decisão é devido a falta de insumos médicos como por exemplo anestésicos utilizados para a intubação;
  • 60 mil testes foram recebidos pelo estado, eles foram doados pela OPAS;
  • 200 elmos serão incorporados na rede de saúde estadual. Esse equipamento pode reduzir o termo de internação dos pacientes e foram implantados também no Ceará;
  • Ampliação do serviço de UTI aérea para desafogar os centros mais colapsados;
  • 72 novos leitos no HCI;

Dados da Covid-19 no estado:

De acordo com o boletim divulgado no dia 24 de fevereiro, é possível chegar a algumas conclusões, entre elas:

A média da mortalidade da doença no estado estava em 2,29% de acordo com o boletim do dia 24 de fevereiro, onde 217.302 pessoas foram contaminadas e dessas 4.997 faleceram.

A taxa de mortalidade da doença entre profissionais da saúde é menor do que a média da população em geral. Desde o início da pandemia, até o dia 24 de fevereiro, 75 profissionais da saúde morreram no estado entre 4.333 contaminados, o que significa uma taxa de mortalidade de 1,73%. Ou seja, o número de óbitos estaria em 99 caso a média dos profissionais de saúde fosse igual a média da população geral.

Cor/raça dos que faleceram:

  • 55% pardos;
  • 0,78% indígenas;
  • 14,74% brancos;
  • 4,62% amarelos;
  • 16,2% não tiveram a cor/raça confirmadas.

De acordo com as informações do mapeamento elaborado pelo governo do Estado, nos maiores centros populacionais do estado, o número de casos, óbitos e taxa de mortalidade, respectivamente, estão em: ,

BACABAL3789822.16%
BALSAS7452871.17%
CAXIAS62771191.90%
CODÓ19731075.42%
MPERATRIZ104554474.28%
PAÇO DO LUMIAR7389913.41%
SANTA INÊS5254901.71%
SÃO JOSÉ DE RIBAMAR17351508.65%
SÃO LUÍS3015414184.70%
TIMON55651873.36%
BOA VISTA DO GURUPI14321.43%

Outras medidas:

  • 200 mil chips com acesso a internet para estudantes do ensino médio da rede estadual;
  • 1.000 aulas nas plataformas governamentais;
  • Aulas através da rádio e canal 10.2 a partir do dia 8 de março;

Dino anunciou ainda entrega de 1.000 equipamentos para pequenos empreendedores e vagas de empregos e estágio para jovens e pagamento de bolsas, onde o estado pagará às empresas pela contratação dos jovens que foram profundamente prejudicados pela inserção no mercado de trabalho, além de 10 mil cursos de capacitação.

Para se manter bem informado sobre o Maranhão acesse oimparcial.com. Siga, também as nossas redes sociais, TwitterInstagram e curta nossa página no Facebook. Tem alguma denúncia para fazer? Entre em contato por meio do nosso WhatsApp (98) 99120-9898.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias