NO COROADINHO

Em audiência pública, Duarte Jr cobra soluções para abastecimento de água em São Luís

Moradores do Coroadinho reivindicaram melhorias na prestação do serviço; bairro sofre com falta de água há mais de 20 anos

Reprodução

Nesta terça-feira (25), pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias, o deputado Estadual Duarte Jr. (PCdoB) realizou audiência pública no Polo Coroadinho, no Centro Educacional e Profissional (CEPC), para conhecer de perto as reivindicações da comunidade sobre o fornecimento de água e tratamento de esgoto.

Na mesa, os deputados Duarte Jr e Wellington do Curso, a secretária de Estado da Juventude, Tatiana de Jesus, representantes da Caema e Procon-MA ouviram relatos de problemas sofridos pelos moradores do polo Coroadinho, como água suja e esgotos a céu aberto, problemas que, segundo os moradores, já são de longa data.

Duarte Jr ouve queixas dos moradores do Coroadinho

Dona Luizinha, presidente de um centro cultural esportivo no local, disse que, devido à escassez de abastecimento, a venda de água se estabeleceu como o comércio mais lucrativo do Coroadinho. “A gente vive assim, o povo deixa de comprar o comer pra comprar água, pra lavar, pra banhar, mas essa água não presta pra beber”, disse Luizinha, que convidou a mesa para visitar ruas no local que apresentam sérios problemas. “Nós vivemos à margem de um esgoto a céu aberto, que desce na margem do Bacanga”, completou.

O diretor de abastecimento e manutenção da Cemar, Leonardo Lima, reconheceu a falta de investimento na área de saneamento em um dos maiores conjuntos habitacionais do Brasil, com 32 bairros e mais de 150 mil habitantes. “A cidade continua crescendo, o tempo vai passando e as demandas vão aumentando. E também há um desperdício em alguns pontos e o rodízio de água também em São Luís, todos sabem é na cidade inteira, não é só aqui. Dificulta um atendimento mais a contento”, declarou, afirmando o compromisso da Caema de ouvir e atender as demandas. “Nós estamos aqui pra ouvi-los pra saber em que podemos dar ênfase e o que tem a Caema também em termos de investimento e o que está fazendo pra tentar melhorar não só o abastecimento como a coleta de esgoto”, disse.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias