NA ZONA RURAL

Homem que mantinha família em cárcere privado é preso em São Luís

Quando a esposa do homem começou a gritar por socorro, a Polícia precisou invadir a casa e neutralizar Leonardo que ofereceu resistência à prisão.

Reprodução

Outro crime chocou a população da Zona Rural de São Luís. Leonardo Teixeira Costa, de 33 anos, foi preso na manhã do último domingo, 28, por manter a família em cárcere privado no bairro Itapera, a 22km da capital maranhense.

Durante rondas no bairro, a Polícia Militar recebeu relatos dos moradores que informaram a suposta situação que estaria ocorrendo na Rua São Benedito, próxima à Mata do Itapera. Ao chegar na localização informada, os policiais confirmaram as suspeitas do crime e tentaram negociar a liberação dos reféns com Leonardo, porém não obtiveram sucesso.

Quando a esposa do homem começou a gritar por socorro, a Polícia precisou invadir a casa e neutralizar Leonardo que ofereceu resistência à prisão. Após ser algemado e ainda na residência, ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia Especial da Mulher, no Jaracati.

Outros casos na Zona Rural de São Luís

Corpo encontrado com facadas na cabeça na Zona Rural de São Luís

Um achado de cadáver está sendo investigado na cidade de Alto Parnaíba, distante 1.050 km da capital maranhense. O corpo foi encontrado por motoristas na localidade Serra Branca, zona rural do município.

Seguranças privados são suspeitos de matar jovens em zona rural de São Luís

Moradores do povoado do Mato Grosso, zona rural de São Luís, ficaram consternados ao encontrar três jovens mortos com tiros na cabeça e nas mãos, em uma região de matagal, próxima à construção de um condomínio do Minha Casa, Minha Vida. A polícia foi imediatamente acionada para apurar o caso.

Segundo as testemunhas, os rapazes eram da comunidade e, assim como os outros moradores do povoado, tinham o costume de percorrer aquele caminho para chegar ao mangue e coletar caranguejos. Foram vistos pela última vez na manhã do dia anterior (3) indo em direção ao local para voltar com o alimento, mas foram assassinados no caminho.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias