CORONAVÍRUS

No Maranhão

2623
306952
267991
8681
PARALISAÇÃO NACIONAL

Empregados federais da saúde entrarão em greve na próxima quinta-feira

Empregados federais da saúde entrarão em greve nacional após dois anos de negociação devido proposta de redução salarial feita pela EBSERH

Foto: Reprodução

Na próxima quinta-feira (13), empregados da saúde, do Sindicato dos Servidores Públicos Federais do Estado do Maranhão (SINDSEP/MA), entrarão em greve nacional após dois anos de negociação. A paralisação está agendada para ocorrer nos horários de 7h, 13h e 19h, na entrada do Hospital Universitário Presidente Dutra (HUUFMA).

Trabalhadores de 41 hospitais federais da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) participarão da paralisação nacional neste dia.

A Ebserh propôs, mesmo em meio a pandemia, a redução de benefícios e dos salários dos profissionais que trabalham diretamente com pacientes infectados pela Covid-19 nesses hospitais por todo o país, entre eles a equipe de enfermagem, fisioterapeutas e médicos.

“A empresa, infelizmente, mostra-se irredutível na esdrúxula proposta de alteração da base de cálculo para pagamento do adicional de insalubridade e, também, na ausência de reajuste de salários dos trabalhadores”, assim constado no Esclarecimento da Greve dos Trabalhadores da EBSERH 2021.

Foto: Divulgação
VER COMENTÁRIOS
Entretenimento e Cultura
Esportes
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias