CORONAVÍRUS

No Maranhão

4762
167948
158492
3664
COVID-19

Conheça os números do Coronavírus no Maranhão hoje; hospital de campanha será desativado

Com os novos números o Maranhão chega a 3611 óbitos e 164770 casos confirmados.

Hospital de campanha Gilberto Novaes, em Manaus. Antes à beira do colapso, Amazonas tem, hoje, mais de 20% dos leitos desocupados (foto: AFP / MICHAEL DANTAS)

O Maranhão registrou 968 novos casos de Covid-19, segundo informa nesta quarta o Boletim Epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde. Ao todo, mais 11 óbitos foram registrados. Um deles em São Luís, 3 em Caxias e o restante em Codó, Barra do Corda, Cantanhede, Colinas, São Domingos do Maranhão e Timon.

Com os novos números o Maranhão chega a 3611 óbitos e 164770 casos confirmados. Ativo são 5763. A maior parte (5386) está em casa, isolado. O restante está em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), total de 148, ou leitos ambulatoriais (229).

Ontem, após seis dias o Maranhão voltou a registrar óbitos.

A taxa de ocupação de UTI segue baixa. Em São Luís está em 30,92% para UTIs e 14,14% para leitos clínicos.

Em Imperatriz a situação ainda é preocupante. Com poucos leitos, a ocupação em UTIs chega a 72,22% e de leitos clínicos 71,60%. Em São Luis existem 152 leitos de terapia intensiva. Lá, 54.

As demais regiões seguem com ocupação baixa: 18,6% (UTIs) e 12,6% (clínicos).

Perfil dos óbitos

O perfil de óbitos no Maranhão é o seguinte:

  • 62% são homens e 32% mulheres.
  • Dos 3611 mortos, 2012 têm mais de 70 e 813 tem entre 60 e 70.
  • 19 crianças (de 0 a 9 anos) morreram em decorrência do vírus
  • 84% dos maranhenses que morreram tinham comorbidades
  • Hipertensão arterial (1970 mortes) e Diabetes (1386) foram as principais

Hospital de campanha desativado

O hospital de campanha montado no Multicenter Sebrae será desativado nesta quinta, informou o governo. Segundo o governador Flávio Dino, a demanda pelo hospital não justifica mais o custo que ele gera. A estrutura começou a funcionar em maio. Possuia 182 leitos clínicos e 14 de UTI.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Checamos
Polícia
Mais Notícias