CRIME

Homem que matou cadela em Pinheiro já havia sido preso por violência doméstica

O agressor já foi identificado pela Polícia, mas ainda não foi preso

Foto de quando Assis foi preso por violência doméstica. Foto: Força Tática/Divulgação

Após investigação, a Polícia Civil já identificou o homem responsável por matar uma cadela a facadas no município de Pinheiro, interior do Maranhão. Trata-se de Assis Soares Ribeiro, conhecido na cidade por suas agressões.

Segundo o delegado Shaolim, que acompanha o caso, Assis possui uma longa lista de antecedentes criminais e havia sido preso por violência doméstica há apenas seis meses. “Ele ia bater na mãe e foi preso em flagrante”, conta. Após o crime, o homem foi solto.

Leia mais: Homem mata cadela a facadas em Pinheiro, no Maranhão

O sujeito foi reconhecido pela Polícia por meio das fotos e vídeos gravados por testemunhas enquanto ele agredia a cadela. Ainda segundo o delegado, estas mesmas pessoas que presenciaram o ato tiveram receio de ir à delegacia, por medo do criminoso.

O homem será procurado pela Polícia Civil de Pinheiro ainda hoje.

Entenda

Na tarde da última quinta-feira (1º), testemunhas gravaram vídeos e fotos do momento em que um homem matou uma cadela a facadas na cidade de Pinheiro, no Maranhão.

Segundo testemunhas, o homem começou a agredir a cadela com uma faca e ela se escondeu em uma garagem nas proximidades. Depois, o homem teria ido à sua casa para pegar um facão maior. Ao retornar, voltou a atacar o animal.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias