PAC Cidades Históricas

Temer garante R$ 15 milhões para obras em São Luís

A verba é destinada às reformas de prédios do Centro da capital, referentes ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

O presidente Michel Temer garantiu, na noite de terça-feira, dia 3, o descongestionamento de R$ 15 milhões para a continuidade das obras realizadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em São Luís, durante reunião com a bancada maranhense no Congresso.

Entre as obras do PAC Cidades Históricas que devem ser atendidas, estão o Fórum Universitário, Jucema, Palácio das Lágrimas e Cristo Rei, Museu de Artes Visuais, Centro Artístico Operário, além dos Teatros Arthur Azevedo e João do Vale, e a Rua Grande.

Em setembro deste ano, os parlamentares maranhenses também dialogaram com o IPHAN para restabelecer as obras do PAC. Ao todo, o programa previa 44 obras em São Luís para serem concluídas até o final de 2016, mas somente 4 foram finalizadas. O orçamento inicial, aprovado em 2012, previa cerca de R$ 133 milhões para restaurar os prédios históricos da capital maranhense.

Estratégias de Temer

Ainda no início de outubro, a vez foi de Roseana Sarney visitar o presidente Michel Temer. Acompanhada dos ministros do governo Moreira Franco (Secretaria-Geral), Eliseu Padilha (Casa Civil) e Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo) a pmdbista discutiu o cenário político e a segunda denúncia contra Temer na Câmera dos Deputados, por obstrução da justiça e organização criminosa.

Os laços de Temer com o Maranhão continuam a ser estreitados em visita marcada para hoje, dia 5, na cidade de Alcântara. O presidente visita as instalações da base de Alcântara e do Programa Espacial Brasileiro para a busca de parcerias com o Governo dos Estados Unidos.