Salvo pelo gongo

Senadores maranhenses votam para salvar Aécio

O tucano precisava de 41 votos para voltar às atividades parlamentares

Acusado de obstrução de Justiça e corrupção passiva, Aécio Neves irá retomar as atividades parlamentares como senador. Foi esta a decisão tomada pelo Senado Federal nesta terça-feira, dia 17, que revogou a medida da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) de afastar o senador psdbista do mandato.

Ao todo, 71 senadores participaram da sessão. 44 foram favoráveis à volta de Aécio, e 26 contrários. O senador precisava de pelo menos 41 votos para ter a medida cautelar revogada.

Os senadores maranhenses Edison Lobão e João Alberto, do PMDB, e Roberto Rocha do PSDB, foram favoráveis ao retorno do tucano à casa.

MOSTRAR MAIS