RECONHECIMENTO

Vale leva experiência imersiva pela cultura e a natureza do Brasil para Expo Dubai

Programação acontece entre janeiro e fevereiro, no Pavilhão Brasil e no Dubai Millennium Amphitheatre.

(Foto: Divulgação)

A Vale convida os visitantes do Pavilhão Brasil na Expo Dubai a uma experiência imersiva pela Floresta Amazônica, pela relação das comunidades brasileiras com a natureza e pela diversidade da cultura musical do país. São ações pensadas para mostrar um ambiente profundo da relação do povo brasileiro com a natureza profunda e reforçar a urgência das atitudes para a preservação do meio e do futuro da vida no planeta.

O percurso tem início na Floresta Amazônica, com uma experiência em realidade aumentada. Presente em oito países e um território equivalente a quase metade do Brasil, a Amazônia abriga atualmente mais de 30 milhões de pessoas, milhares de espécies de plantas e é uma das regiões mais biodiversas do globo. Animais como a onça pintada e a arara-azul, parte da fauna do maior bioma do planeta, interagem virtualmente com o público.

No espaço, é possível saber mais sobre as iniciativas socioambientais da Vale, que está presente há mais de três décadas na região, operando e ajudando a proteger uma área de 80 mil hectares de floresta, o Mosaico de Carajás, equivalente a cinco vezes as cidades de São Paulo ou Londres. No percurso, os públicos são convidados a refletir sobre a preservação da Amazônia.

A próxima parada é na exposição “Para além das margens”, apresentada pelo Instituto Cultural Vale, com curadoria de Gabriel Gutierrez, diretor e coordenador do Centro Cultural Vale Maranhão, em cartaz entre os dias 19 e 25 de janeiro. Nela, desvendam-se as relações entre o cotidiano de comunidades brasileiras e as paisagens onde vivem. O espaço foi inspirado nas construções tradicionais das palafitas, e o visitante pode usufruir de uma experiência imersiva ao se deparar com a importância vital da água para as pessoas, em seu dia a dia, educação e cultura, retratada em cada obra escolhida.

Os trabalhos dos grandes fotógrafos Pierre Verger, Walter Firmo, Marcel Gautherot, Elza Lima, Maureen Bisilliat, Ronney Alano e Christian Knepper estão presentes. A exposição ainda conta com três vídeos do artista mineiro Cao Guimarães.

O passeio se encerra com duas apresentações do Programa Vale Música, nos dias 19 e 20 de fevereiro, com apresentações que marcam os 200 dias para o bicentenário da independência do Brasil.

Numa parte, os alunos apresentam as regiões do Brasil e suas características através de um passeio que começa n’O Trenzinho do Caipira (Bachianas Brasileiras nº 2), de Heitor Villa-Lobos – o compositor sul-americano mais de todos os tempos -, em uma viagem que passa pelos sons da Caatinga, do Pantanal, da Amazônia e da Mata Atlântica.

VER COMENTÁRIOS
Esportes
Entretenimento e Cultura
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias