CORONAVÍRUS

No Maranhão

5606
109731
94466
2810
UPGRADE NAS PAREDES?

6 formas criativas e práticas para mudar ambientes da casa

A busca por mudar cores e até a textura das paredes cresceu 100% na internet nos últimos 30 dias

Reprodução

Para a maioria das pessoas, a casa nunca foi um ambiente tão presente no cotidiano quanto agora, afinal, a pandemia do novo coronavírus obrigou a maioria da população a ficar dentro de casa meses e meses, durante a quarentena. É natural que, ao passar tanto tempo dentro do lar, você acabe se cansando da aparência dos cômodos. “As paredes são as primeiras que logo enjoamos, principalmente as brancas”, revela a designer de interiores, Heloneida Lima Cutrim.

Designer de interiores, Heloneida Lima

A busca por mudar cores e até a textura das paredes foi tamanha que a procura nos últimos 30 dias por tutoriais e dicas de como pintar a parede de casa cresceu 100%, segundo dados do Google Trends – ferramenta do Google que apresenta buscas populares na internet.

A jornalista Dayana Medeiros faz parte do grupo de pessoas que aproveitaram o tempo a mais em casa para repaginar o apartamento onde mora. “Foi logo quando começou o lockdown em São Luís. As paredes já precisavam há algum tempo de pintura, então comecei por elas. Como eu queria mudar bastante a sala, eu comecei a pensar em outras formas para deixar bem diferente. Foi quando, pesquisando em alguns sites de decoração, eu encontrei alguns revestimentos fáceis de aplicar. Verifiquei quantos peças precisaria e comprei, pela internet, placas 3D confeccionadas em PVC e papel de parede. Como estava insegura, preferi pagar um profissional para aplicar as placas, mas vi que é muito fácil e prático. Depois apliquei sozinha o papel de parede e deu certo”, afirma aliviada e satisfeita.

Jornalista, Dayana Medeiros comemorando seu aniversária na nova sala

Como mudar uma parede?

Na hora de modificar a decoração de casa sem gastar muito tempo nem tanto dinheiro, uma dica super esperta é dar um novo “ar” às paredes dos cômodos, seja com uma tinta nova, um papel de parede ou com alguns acessórios e objetos de decoração.

Para ajudar você a dar um up nas paredes e deixar o ambiente de “cara” nova, separamos 6 sugestões criativas e práticas. Aproveite!

1 – Pintura geométrica

Pinturas geométricas para paredes fazem o maior sucesso no universo da decoração. Foto: Art Village Arquitetura

Seja no quarto, na sala ou no escritório, as pinturas geométricas para paredes estão fazendo o maior sucesso. Elas são capazes de conferir um toque de modernidade ao espaço e deixam o layout com mais personalidade.

Feita à base de tinta, a técnica pode ser aplicada sem muitos esforços. Esse tipo de acabamento permite criar uma composição colorida, com direito a figuras geométricas e muito dinamismo. “Você traça, demarcando a parede com fita crepe branca e ali pode fazer várias formas geométricas, como triângulos. Em seguida, basta pintar cada espaço de uma cor. Dá um efeito muito bacana no ambiente, deixando a parede diferenciada e original. O custo varia de acordo com a quantidade, marca ou cor escolhida da tinta”, ensina a designer de interiores, Heloneida.

2 – Papel de parede

Parede com aplicação de papel de parede líquido

O bom e velho papel de parede nunca sai de moda e é sempre uma opção para quem procura por agilidade, limpeza e baixo custo na hora de revitalizar um ambiente ou de decorar uma casa nova. “O papel de parede apresenta uma variedade enorme em possibilidades de decoração combinados com: móveis, pisos, tapetes e objetos decorativos. Ele pode ser aplicado na parede inteira, em meia parede ou em apenas uma faixa decorativa chamada de border”, conta a profissional.

Apesar de prático, é preciso atenção no momento de aplicação do material, pois dependendo do tipo de papel utilizado, pode acontecer do papel rasgar na hora da aplicação ou remoção, deixando resíduos que podem ser difíceis de se retirar. Além disso, é importante evitar que entre ar no momento da aplicação, caso contrário o papel formará bolhas difíceis de serem retiradas depois. Por isso, caso não se sinta confiante, é aconselhável chamar um profissional para evitar ter dores de cabeça”, aconselha Heloneida.

3 – Objetos na parede

Sala da jornalista Dayana Medeiros após aplicação de papel de parede

Sem pintura, sujeira ou quebra-quebra, essa dica é uma das mais práticas quando o assunto é decoração de parede. Em casa, há diversos objetos espalhados que servem para decorar uma parede, a começar pelos quadros.

  • Quadros – Sabe aqueles quadros de família, momentos com amigos ou de viagens que fica na estante da sala? Saiba que, se organizados de forma correta, eles se transformam em uma decoração perfeita na parede. “A diversidade dos quadros é imensa. Aconselho sempre o cliente a usar quadros que trazem memórias, porque ao vê-los você recorda aquele momento vivido com amigos, familiares ou até sozinho. Costumo chamar de galeria familiar, onde você coloca ali sua história, memória ou a sua preferência. Assim, os quadros podem ser dispostos de forma simétrica ou assimétrica”, destaca a especialista.
  • Pratos – Já pensou em colocar aquela coleção de pratos que você nunca usa na parede? Esses objetos podem dar um toque todo especial à parede. “Geralmente esses pratos têm uma história, sejam comprados em uma viagem ou recebidos de presente. Então, essa galeria de pratos pode transformar uma parede sem graça em um lugar cheio de aconchego e lembranças”, indica a designer.
  • Instrumentos musicais – Outros objetos que podem deixar a sua parede ainda mais interessante são os instrumentos musicais. “Além de decorar, essa é uma forma de solução de espaço. Você pode comprar o suporte, fixar na parede e colocar um violão, o ukulele, etc. Os instrumentos de cordão tem essa facilidade”, explica a designer, que também é musicista.
  • Prateleiras – As famosas prateleiras não poderiam ficar de fora desse mix de dicas. “Elas também podem ser soluções de espaço para expor objetos ou só por uma questão estética, para pôr quadros, plantas ou objetos de família”, ensina.

4 – Jardim vertical

O jardim vertical está na moda, e você pode ter o seu em casa
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Que tal trazer um pouco da natureza para dentro de casa e, de quebra, ainda deixar o ambiente mais charmoso? O jardim vertical é um recurso natural que reaproveita espaços de maneira sustentável, já ajudam a reduzir a temperatura dos ambientes ao atenuar o efeito dos raios solares. Funcionam como um filtro e uma barreira contra o vento, assim, reduzindo a poeira nos espaços.

“Essa é uma tendência que já vinha sendo muito trabalhada antes da pandemia e agora chega com muita força. Você pode criar jardins verticais com jarros presos na parede ou paletes, transformando em um ambiente aconchegante e traz leveza para o espaço. A dica é usar plantas naturais”, sugere.

5. Revestimento 3D

Sala da jornalista Dayana Medeiros após aplicação de placas 3D

O universo do design e da decoração vive se reinventando. A cada temporada, o público pode se deparar com uma série de novidades e tecnologias capazes de embelezar e modernizar qualquer ambiente. Uma delas é o famoso revestimento 3D, um jeito bem interessante de decorar as paredes, garantindo mais volume e textura para o espaço.

Tendência no momento, esse revestimento ainda pode ser encontrado em diversos materiais, que vão desde o tradicional gesso até o porcelanato, passando pelo prático PVC. “Esse tipo de material é produzido a partir de placas que, juntas, são capazes de formar painéis tridimensionais. Sendo possível encontrar superfícies com baixo ou alto relevo”, explica Heloneida Cutrim.

O material é vendido por metro² (metro quadrado), tanto pela internet quanto por em grandes lojas de material de construção. O produto já se tornou tão querido que, nos últimos sete dias, as buscas pelo termo “placas 3D” cresceram quase 89%, segundo dados do Google Trends.

6 – Papel de parede líquido

Sala com parede em revestimento eco paper

Conhecido como Eco Paper ou, simplesmente, papel de parede líquido, essa é uma solução prática e totalmente sustentável. Criado na Europa, o produto chegou ao Brasil há pouco mais de oito anos e conta com benefícios tanto estéticos quanto para a saúde do ambiente, como explica a designer.

“A aplicação é prática e você tem a opção de aplicar só ou contar com a ajuda de especialistas. Aqui em São Luís já tem uma franquia dessa empresa europeia, que trabalha com a comercialização e aplicação do material”, revela.

Entre as vantagens encontradas no eco paper, está a matéria prima. Feito à base de algodão, celulose e seda, o papel líquido é ecológico e anti-alérgico. “Diferente de outros revestimentos, o eco paper nivela e corrige deformidades na parede, sendo possível a aplicação em paredes sem reboco, o que já ajuda na economia de materiais. Além disso, o produto conta com qualidades térmicas e acústicas, isolando o som. O eco paper é, também, muito procurado para revestir objetos antigos, sem contar que é um produto diferenciado no toque e textura com ou sem pedrarias”, finaliza.

Gostou das dicas? Então inspire-se e mãos à obra!

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias