CORONAVÍRUS

No Maranhão

868
53508
25120
1285
ARTE

10 museus que podem ser feitas visitas virtuais

O melhor ponto de partida é o Google Arts & Culture, plataforma criada em 2011 com o nome de Art Project

Reprodução

Fazer visitas virtuais a museus está longe de ser novidade. Só que em tempos de coronavírus os tours percorridos na tela do computador ou do smartphone se tornaram uma ótima opção para quem quer passar o tempo com qualidade ou – por que não? – planejar uma visita in loco.

O melhor ponto de partida é o Google Arts & Culture, plataforma criada em 2011 com o nome de Art Project, que promove as visitas utilizando a tecnologia do serviço Street View.

Ao longo de quase uma década de atuação, a iniciativa agregou milhares de instituições mundo afora, seja para passeios virtuais (em vídeo) ou exposições (com fotos). Dá para se perder por horas no conteúdo apresentado.

Você pode chegar ao site já com a instituição que deseja visitar na cabeça, daí basta ir na busca e colocar o nome. Ou então se deixar levar pelos conteúdos selecionados.

Um setor de novidades destaca o acervo de várias instituições italianas, como o Museu Nacional de Arqueologia de Nápoles e a Galeria de Arte Moderna de Milão. Na seção Art Zoom, você mergulha em uma obra icônica, como O grito (1893), do norueguês Edvard Munch.

As possibilidades são múltiplas. Se for na aba Coleções, clique em Mapa e descubra as instituições disponíveis na plataforma por país. O Brasil, por exemplo, aparece com vários museus importantes, como o Museu de Arte de São Paulo (Masp) e o Museu Imperial, em Petrópolis, no Rio de Janeiro.

Mesmo que o conteúdo seja enorme, há alguns museus que não estão no Google Arts & Culture. O Louvre, por exemplo, é um deles. Para a visita virtual, é necessário entrar no site da instituição.

Com o Prado, o “Louvre da Espanha”, acontece a mesma coisa. O visitante deve procurar pelo site do museu. Não custa lembrar que o virtual não se iguala à experiência de ver as obras ao vivo. Mas, pelo menos por ora, é o que é possível.

10 museus que podem ser visitados

Museu Britânico, Londres

É o maior museu britânico e também o mais antigo museu nacional do mundo. No passeio virtual, você percorre o Great Court – o Grande Pátio, inaugurado em 2000, hoje a maior praça coberta da Europa –, descobre a Pedra de Roseta – é um pedaço de granito datado de 196 A.C. que foi descoberto em 1799 e que permitiu a decodificação dos antigos símbolos egípcios – e vê de perto a famosa coleção de múmias.

Louvre, Paris

Mais famoso e mais visitado museu do mundo, o Louvre é capaz de deixar o internauta perdido, no bom sentido, por horas em seu imenso e precioso acervo. No tour virtual podem ser observadas as fachadas do prédio histórico e o interior das galerias, por exemplo. Como o prédio originalmente era uma fortaleza, os visitantes podem percorrer o perímetro do fosso original. A Mona Lisa (1503), de Leonardo da Vinci, estrela maior do acervo desde 1797, sempre com enormes filas ao redor, é disponível detalhe por detalhe no site do museu.

Próxima »1 / 5
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias