CORONAVÍRUS

No Maranhão

787
55680
29518
1360
ECONOMIA

Saque emergencial do FGTS será liberado na segunda-feira. Saiba se você tem direito

Será permitido um saque de até R$ 1.045 de contas ativas e inativas do fundo

Aplicativo Caixa Econômica Federal - FGTS. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O dinheiro do saque emergencial do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) vai começar a ser liberado pela Caixa Econômica Federal a partir da próxima segunda-feira (15). No entanto, até o momento, a forma de pagamento ainda não está fechada e o calendário de resgate não foi ainda divulgado pelo governo.

Leia também: Saques do FGTS vão ser liberados em contas digitais da Caixa

Receberão o dinheiro os trabalhadores que tiveram perda de renda durante a pandemia do novo coronavírus. Será permitido um saque de até R$ 1.045 de contas ativas e inativas do fundo, dependendo do valor que o trabalhador tiver em conta. Quem tem mais de um vínculo terá o dinheiro debitado primeiro da conta com menor valor. Os descontos serão feitos de cada conta até que se complete o valor máximo autorizado para o saque.

Inicialmente o dinheiro será disponibilizado em uma conta social e o saque dos valores em dinheiro vivo só poderá ser feito depois. Poderá sacar o benefício qualquer pessoa que tenha saldo em conta ativa ou inativa do FGTS.

SALDO DO FGTS

Por meio do site da Caixa você tem acesso ao extrato do FGTS. Para quem já tem cadastro, é preciso ter em mãos o número do CPF ou NIS (Número de Inscrição Social, chamado também de PIS/Pasep. Quem ainda não se cadastrou pode fazer isso na mesma página, informando dados pessoais e criando uma senha.

Outra opção para acessar o saldo é por meio do aplicativo do FGTS da Caixa, que pode ser baixado no Google Play ou na Apple Store. Para quem já tem cadastro no site da caixa, basta utilizar as mesmas informações de Login. Para quem ainda não tem, será preciso iniciar o cadastro.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias