CORONAVÍRUS

No Maranhão

6407
88214
67541
2153
PINHEIRO

Corpo de sargento do CTA morto durante ocorrência é enterrado

O corpo do sargento Carlos Magno Cantanhede foi enterrado na manhã desta quinta-feira (2), em Pinheiro

O sargento Carlos Magno Cantanhede foi morto com um tiro no pescoço nessa quarta (1). (Foto: Divulgação)

Foi enterrado na manhã desta quinta-feira (2), em Pinheiro, o corpo de Carlos Magno Cantanhede, de 47 anos, sargento do Centro Tático Aéreo (CTA), que morreu baleado no pescoço durante uma ocorrência na cidade de São Domingos do Maranhão.

Foto: Divulgação

A cerimônia foi realidade no município de Pinheiro, onde Carlos Magno morava com a família. Muitas pessoas estiveram presentes no cortejo que levou o corpo do sargento até o cemitério.

Veja vídeos do momento:

Entenda o caso

Na manhã da quarta-feira (01), no povoado Viola, na Zona Rural da cidade de São Domingos do Maranhão, um sargento da Polícia Militar identificado como Carlos Magno Cantanhede faleceu após levar um tiro no pescoço durante uma ocorrência.

Os policiais do município de Presidente Dutra foram atender um caso em que um senhor com transtornos mentais estava ameaçando os seus familiares dentro de casa armado com uma bate-bucha. Ao chegar no local da ocorrência, a equipe foi recebida com tiros que saiam de dentro da residência.

Um dos tiros disparados pelo senhor atingiu o sargento Cantanhede no pescoço, que não resistiu ao ferimento e faleceu no local. Um outro PM foi baleado na perna e encaminhado para o Socorrão do município de Presidente Dutra.

Durante o confronto com a polícia, o homem que estava ameaçando a família foi baleado e faleceu no local. De acordo com informações policiais, ele tinha problemas psiquiátricos e oferecia risco aos familiares e, por isso, eles haviam chamado a polícia.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias