CORONAVÍRUS

No Maranhão

942
57605
31569
1399
DÍVIDAS

Negociação com a Caema é prorrogada

Devedores podem negociar dívidas com a Caema até dia 06 de janeiro

Reprodução

Quem não conseguiu negociar dívidas com as condições especiais oferecidas pela campanha Fique em Dia com a Caema terá uma última chance. O cliente interessado poderá regularizar débitos antigos com a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), aproveitando os descontos e parcelamentos até o dia 6 de janeiro de 2020.

Segundo o diretor de Comercialização e Relacionamento com o Cliente da Caema, José Oliveira Ataídes, a prorrogação vai dar chance aos clientes que por alguma razão ficaram impossibilitados de fazerem suas negociações de procurarem a empresa para negociar de modo definitivo e resolver suas dívidas com a Companhia. O diretor apontou que algumas negociações não foram concluídas devido a indisponibilidade financeira momentânea do cliente.

A campanha, lançada para atender aos usuários inadimplentes, está em vigor desde o 21 de outubro deste ano e teria seu período encerrado no último dia 6 de dezembro. Durante todo esse tempo, foram realizadas perto de 17 mil negociações, 30,5% delas quitaram dívidas à vista.

Com a prorrogação, são mantidas as condições para quem quiser aproveitar essa nova chance.

Ao procurar a Caema, o cliente poderá parcelar qualquer débito em até 60x com redução de juros e multas, ou efetuar o pagamento à vista sem contabilizar juros e multa sobre o valor devido. Esse tipo de pagamento, que permite a retirada de 100% dos juros e multas por parte da Caema, também pode ser feito com cartão de crédito, dadas as condições oferecidas pela operadora do cartão.

Para negociar as faturas atrasadas, quitar o débito, evitar o corte e voltar a contar com o abastecimento da Caema, ficando também apto a realizar operações no mercado que envolvam a obtenção e uso de crédito, o cliente poderá dirigir-se em horário comercial, de segunda à sexta, a qualquer unidade comercial da Companhia, na capital ou no interior.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias