CORONAVÍRUS

No Maranhão

1382
222481
206696
5201
Imunização

São Luís inicia vacinação de idosos contra covid

Nessa primeira fase serão imunizados idosos em sete abrigos da capital, conforme anunciou o prefeito Eduardo Braide

Foto: Divulgação

A vacinação contra a Covid-19 dos idosos acima de 60 anos residentes em instituições de longa permanência, foi iniciada nesta quarta-feira (20), em São Luís. Nessa primeira fase serão imunizados 142 idosos em sete abrigos, conforme anunciou o prefeito Eduardo Braide.

Um desses locais é o Abrigo de Longa Permanência para Idosos (Lar Calábria para Idosos) mantido pela Prefeitura de São Luís, localizado no bairro Olho D’água.

De acordo com o Ministério da Saúde, os idosos fazem parte do público prioritário e dessa forma foram incluídos na logística de imunização definido pelo Plano Municipal de Vacinação. Essa imunização nos abrigos ocorre em conjunto com as secretarias municipais de Saúde (Semus), da Criança e Assistência Social (Semcas), e da Guarda Municipal, que faz a escolta das doses.

A primeira-dama, Graziela Braide, que é voluntária na Assistência Social de São Luís, acompanhou a vacinação no abrigo municipal. “Fiz questão de acompanhar o início desse atendimento porque se trata de uma ação muito importante. Os nossos idosos que aqui estão, são pacientes com risco maior e que necessitam de cuidados extras. Então, o Plano Municipal de Vacinação prevê o atendimento in loco para que eles sejam imunizados com mais segurança e conforto”, afirmou.

Iniciada a vacinação de idosos em instituições de longa permanência em São Luís. Foto: Divulgação

A previsão é que todos os idosos abrigados em instituições de longa permanência tomem a primeira dose da vacina até o fim desta semana. A segunda dose será aplicada após 21 dias, conforme protocolo definido pelo fabricante do imunizante.

Equipes de vacinação da Semus irão a sete instituições que abrigam idosos em São Luís, são dois abrigos públicos, um mantido pela Prefeitura de São Luís e outro pelo governo estadual, três unidades filantrópicas e duas privadas. São eles: Casa Happy São Luís, Recanto do Aconchego, Lar Bela Vida, ILPI Solar do Outono, Associação das Senhoras de Caridade de São Vicente de Paulo e o Asilo de Mendicidade de São Luís.

A titular da Semcas, Rosângela Bertoldo, destacou a importância da priorização dos idosos abrigados. “Infelizmente, as estatísticas mundiais mostram que a maior letalidade de idosos pela Covid-19 está entre o público dos abrigos. Então, a decisão do prefeito Eduardo Braide em priorizar os abrigos neste primeiro lote da vacina foi muito acertada, pois garante mais cuidado e reforço à saúde dos nossos idosos abrigados”, informou a secretária.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias