CORONAVÍRUS

No Maranhão

1068
218156
203423
4994
Covid-19

Eduardo Braide anuncia plano de vacinação em São Luís

De acordo com o prefeito, o plano de vacinação está dividido em quatro fases. A primeira delas na quarta-feira (20), vacinando os profissionais de saúde

Eduardo Braide em videoconferência com o ministro da saúde, Eduardo Pazuello. Foto: reprodução

Na manhã desta sexta-feira (15), o prefeito Eduardo Braide (PODEMOS), anunciou através de uma live em sua rede social digital Instagram, o plano inicial de vacinação na cidade de São Luís.

O plano está definido inicialmente em 4 fases:

  • A primeira fase compreende os trabalhadores da saúde e tem previsão de início no dia 20 de janeiro, o local de vacinação será no Centro Municipal de vacinação, também anunciado nesta sexta-feira pelo prefeito Braide;
  • A segunda fase da vacina em São Luís é destinada para pessoas acima de 60 anos que convivem em instituições de longa permanência e instituições psiquiátricas. A vacinação ocorrerá nesses mesmo lugares e também tem previsão de início para o dia 20 de janeiro;
  • A terceira e a quarta fase ainda não possuem uma data definida. Na terceira serão vacinadas pessoas com algum tipo de comorbidade  como diabetes, hipertensão arterial e tuberculose. Na quarta será a vez dos profissionais de educação, segurança, pessoas com deficiência, trabalhadores de transporte coletivo, pessoas com privação de liberdade, população em situação de rua e transportadores rodoviários de carga.

O prefeito também informou que a prefeitura de São Luís já possui o quantitativo de seringas para inicias a vacinação e que as vacinas serão aplicadas em duas doses, dessa forma quem receber a primeira dose de uma vacina, deverá receber a segunda dose da mesma vacina, por isso, Braide informou que a prefeitura irá agir com rigor em um cadastramento das pessoas para que não ocorra nenhum erro nesse quesito.

As duas vacinas utilizadas serão a AstraZeneca e a CoronaVac. As doses utilizadas serão as disponibilizadas pelo governo federal. De acordo com Braide, essas doses serão repassadas para os governos estaduais e, consequentemente, aos municipais.

Aguarde mais informações. 

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias