SAÚDE

Hospital Materno Infantil tem atendimento suspenso devido superlotação

De acordo com a nota da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), novos pacientes terão que procurar por outras unidades na capital.

hospital universitario huufma centro presidente dutra

O HUUFMA tem duas sedes no Centro de São Luís, com a unidade Presidente Dutra e o Materno Infantil. Foto: Reprodução

Uma das unidades do Hospital Universitário da Universidade Federal do Maranhão (HUUFMA), o Hospital Materno Infantil, anunciou que suspendeu a admissão de novas pacientes e de recém-nascidos.

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) emitiu um comunicado, nesta quarta-feira (30), esclarecendo que a UTI Neonatal está temporariamente suspensa devido a superlotação.

O anúncio da suspensão pode gerar uma sobrecarga nas unidades estaduais que cuidam das gestantes maranhenses, sobretudo na cidade de São Luís.

Confira a nota de esclarecimento:

O Hospital Universitário da UFMA, vinculado à Rede Ebserh, esclarece que comunicou ao gestor municipal a sua incapacidade momentânea de prestar novos atendimentos de terapia intensiva aos recém-nascidos, em virtude da superlotação da UTI Neonatal da Unidade Materno Infantil.

A medida é temporária e se faz urgente diante da necessidade de preservar a qualidade no serviço prestado e não comprometer a assistência aos recém-nascidos internados.

Este hospital de ensino vem recebendo de forma ampliada e crescente, pacientes oriundos de toda a rede, incluindo o interior do estado e rede privada.  Situação esta que está extrapolando em muito o limite de admissão na Unidade.

Esclarecemos que assim que a situação emergencial for restabelecida os serviços de atendimento seguirão o fluxo normal/diário.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS