CORONAVÍRUS

No Maranhão

787
55680
29518
1360
DANÇOU?

Após demissão de Chioro, Dilma demite o ministro da Educação

Renato Janine Ribeiro vai deixar a pasta que assumiu em abril

correio braziliense
Em meio às discussões da reforma ministerial e um dia após afastar o ministro da Saúde, Arthur Chiroro, a presidente Dilma Rousseff demitiu na tarde de hoje o titular da Educação, Renato Janine Ribeiro. Ele esteve em uma reunião reservada com ela no Palácio do Planalto que começou às 15h e durou menos de meia hora. De acordo com a assessoria do Ministério da Educação, a presidente “agradeceu e reconheceu o trabalho dele no MEC”.
Até então Janine não havia sido procurado pelo governo para tratar do assunto. De acordo com interlocutores dele, foi uma conversa tranquila, a presidente teme uma atitude afável e não há mal estar entre os dois.
A vaga deve ir para o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, que já ocupou o cargo entre 2012 e 2014. A mudança é para dar lugar a Jaques Wagner, atual titular da Defesa. A troca é defendida por parte do PT e pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Mercadante será o terceiro ministro da Educação neste ano. Janine assumiu a pasta em abril e era visto como um nome ligado aos intelectuais. O filósofo e professor da Universidade de São Paulo, com 65 anos, entrou no governo em um momento difícil, após a saída conturbada de Cid Gomes, que fez duras críticas ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e a outros parlamentares no plenário da Casa.
VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Notícia Boa
Checamos
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias