CORONAVÍRUS

No Maranhão

2623
306952
267991
8681
OPERAÇÃO THÂNATOS

Membros de facção criminosa são presos em Bacuri

A operação teve como objetivo efetuar a prisão de faccionados acusados de agirem na Baixada Maranhense.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Nesta quinta-feira (6), a Polícia Civil cumpriu sete mandados de prisão e cinco mandados de busca e apreensão, na cidade de Bacuri, a 129 km de São Luís. A operação denominada Thânatos teve como objetivo efetuar a prisão de faccionados acusados de agirem na Baixada Maranhense.

De acordo com informação da polícia, um dos presos foi identificado como Babuíno, acusado de homicídio qualificado e latrocínio, que teve como vítima o empresário Jamilton Pestana, de 61 anos. Ainda segundo informações da polícia, no dia 27 de abril, o suspeito estava em companhia com mais dois homens. Eles arrombaram o cadeado do portal da frente da residência da vítima, localizada no bairro Campinho, em Bacuri, danificaram a câmera de segurança do local e no momento da fuga, atiraram no empresário, que foi levado para o hospital, mas, chegou sem vida.

Além do Babuíno, outras duas pessoas foram presas, a primeira identificada como Orelha, acusada de porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas, associação criminosa armada e envolvimento de diversos homicídios ocorridos em Bacuri.

Outro homem, identificado como Bandeira é o terceiro preso, suspeito de um uma tripla tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil, que ocorreu nessa cidade. Os outros detidos são acusados de homicídios ocorridos nas cidades de Pinheiro e Presidente Sarney como também de porte ilegal de arma de fogo.

VER COMENTÁRIOS
Entretenimento e Cultura
Esportes
Concursos e Emprego
Polícia
Mais Notícias