MARANHÃO

Homens aplicavam golpes em idosos e índios

A polícia apreendeu mais de 50 cartões, além de senhas, e alguns desses pertencentes a pessoas idosas, e várias notas promissórias assinadas por diversas pessoas.

Foto: Divulgação

A Polícia Civil de Barra do Corda realizou uma operação, no bairro Altamira, no combate a crimes de apropriação indébita de cartões bancários e de benefícios sociais, bem como retenção de documentos pessoais e crime de usura.

O investigado se trata do empresário João da Luz Rodrigues Barros, tendo sido apreendido com ele, 19 cartões Bolsa Família, 34 cartões de contas bancárias acompanhados de senhas, sendo alguns desses pertencentes a pessoas idosas, três carteiras de identidades, um Cadastro de Pessoa Física (CPF) e várias notas promissórias assinadas por diversas pessoas.

A Polícia Civil informa que às vítimas que tiveram documentos ou cartões retidos ilegalmente e tomem conhecimento dessa prisão por meio dessa matéria, que procurem a delegacia para terem tais objetos restituídos.

Crime contra índios
Em continuidade aos trabalhos de combate a exploração econômica de indígenas e pessoas humildes, em Barra do Corda, a Polícia Civil realizou, na manhã de ontem, sexta-feira (30), mais uma prisão em flagrante de uma pessoa que esta de posse de cartões bancários e de benefícios sociais de terceiros.

Foi preso, em frente a Prefeitura Municipal da cidade, Rubens Carvalho de Oliveira, mais conhecido “Rubinho”, o qual foi autuado em flagrante por suspeitas da prática do crime de apropriação indébita de tais cartões.

O Rubinho foi flagrado pela Polícia Civil enquanto fazia os saques dos benefícios das vítimas.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias