CRIME

Assaltantes que anunciavam celulares roubados na OLX são presos

Dupla foi presa após vítima de assalto reconhecer seu celular em anúncio no aplicativo de vendas

Reprodução

O assaltante identificado como Chayanne Sousa Castro, residente no bairro Iguaíba, em Paço do Lumiar, foi preso por policiais da Delegacia Especial do Maiobão, após a venda de um telefone celular roubado no site de compra e vendas OLX. A transação resultou também na prisão do receptador Carlos Bruno Alcântara Sousa. 

O assalto ocorreu no bairro Turu, em São Luís, e foi praticado por dois homens que estavam em um veículo Volkswagen Fox, de cor branca.

Em seguida, os mesmos bandidos assaltaram clientes e funcionários de um restaurante localizado no Cajueiro, em Paço do Lumiar. O primeiro a ser preso foi o receptador Carlos Sousa. Ele informou onde estava o assaltante Chayanne Castro.

Com o assaltante, os policiais apreenderem um veículo Fox, de cor branca e placa NXO-9271, usado nos assaltos, munições de revólver calibre 32 e quatro aparelhos de telefone celular.

A polícia conseguiu chegar aos acusados quando uma das vítimas viu o anúncio de venda do seu celular no OLX e procurou a polícia. O delegado Paulo Moreira e sua equipe deram apoio a vítima que se mostrou interessada em comprar o celular e marcou encontro com o receptador Carlos Bruno.

O segundo assaltante que estava no carro em companhia de Chayanne no dia dos assaltos, ainda não foi localizado pela polícia. Os acusados foram autuados em flagrante por crime de roubo e receptação na Delegacia Especial do Maiobão.

A OLX por meio de nota se pronunciou sobre o caso

Confira a nota na íntegra: A OLX esclarece que não teve acesso a detalhes destes casos e, por isso, não foi possível investigar ou tomar as devidas providências. A empresa reitera que sua atividade consiste na disponibilização de espaço para que usuários possam anunciar e encontrar produtos e serviços de forma rápida e simples.

A OLX reforça que está sempre à disposição das autoridades para colaborar no que for necessário para a apuração dos fatos. O objetivo da empresa é que os usuários tenham a melhor experiência possível e, por isso, envia mensagens informativas esclarecendo que a solicitação de códigos de confirmação/códigos de segurança, dados cadastrais e pessoais não é uma prática adotada pela OLX em nenhuma situação. Esta informação também está disponível nas páginas de ajuda do site, além de outras dicas para o momento da negociação:

· Nunca compartilhe os códigos de validação e segurança que chegam em seu celular;

· Na OLX não é necessária validação com código de segurança para utilização do chat da plataforma;

· A OLX nunca pedirá informações que permitam acesso à sua conta via chat, telefone, SMS, whatsapp e redes sociais;

· Verifique a origem de um link e se o mesmo é confiável antes de clicar.

Mais dicas estão disponíveis no link: http://go.olxbr.com/dicas-vender-olx  

Vale lembrar que a OLX também disponibiliza um botão de denúncia em todos os seus anúncios e contatos no chat, possibilitando que qualquer pessoa denuncie eventuais práticas irregulares ou conteúdos indevidos.

Atenciosamente, Time OLX

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias