América Latina

Mexicanos voltam a protestar contra o preço da gasolina

As manifestações acontecem um dia após a polícia enfrentar um protesto para liberar uma passagem de trem na fronteira com os EUA que estava bloqueada pelos manifestantes.

Por: Estado de Minas
Foto: Mexicanos protestam

Milhares de pessoas voltaram a ocupar as ruas da capital do México para protestar contra o aumento de 20% dos preços da gasolina, que foi efetivado no início do ano.

As manifestações acontecem um dia após a polícia de Sonora enfrentar um protesto de três horas para liberar uma passagem de trem na fronteira com os Estados Unidos que estava bloqueada pelos manifestantes. O confronto deixou ao menos dois policiais feridos. Duas pessoas foram presas.

Vídeos divulgados pela mídia local mostra policiais disparando escopetas – armas comumente utilizadas para atirar balas de borracha – aos manifestantes, que revidavam com pedras.

O governo afirmou que onze comboios de trem com cerca de mil vagões de mercadoria que tinham destino aos Estados Unidos foram atrasados pelo protesto. O bloqueio ameaçou interromper temporariamente a produção de uma fábrica da Ford em Hermosillo.

Na segunda-feira, o presidente Enrique Pena Nieto se reuniu com representantes de trabalhadores e empresários para discutir a suavização da alta dos preços do combustível sobre as famílias do país.

Poucas horas depois da reunião, milhares de pessoas marcharam na principal avenida da Cidade do México para pedir a renúncia do presidente. Um boneco de Pena Nieto foi queimada junto a do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump.

10 obras de escritores maranhenses da atualidade

O Imparcial selecionou 10 obras de escritores maranhenses da atualidade que merecem a atenção e a valorização dos leitores de carteirinha

Feriado altera rotina de estabelecimentos

Por ser um feriado municipal, lojistas têm liberdade na quinta-feira e sexta-feira. Prefeitura decreta ponto facultativo na sexta-feira (30)

Aneel realiza audiência pública em SL

Com o intuito de debater a revisão tarifária que prevê um reajuste de 19,05% nas contas de energia elétrica, a audiência ocorrerá no dia 6 de julho

800 policiais no Festejo de São Pedro

As comemorações têm início na madrugada desta quinta-feira (29) com o encontro dos grupos de bumba meu boi, e seguem ao longo do dia com missa campal e as procissões

Emissão de passaportes é suspendida pela PF

Usuários que foram atendidos antes das 22h desta terça-feira (27) vão receber o passaporte normalmente.

Flávio Dino discute aulas de ginástica gratuitas

Flávio Dino recebeu a ex-ginasta Daiane dos Santos e discutiu implantação de projeto para ofertar aulas de ginástica gratuitas a maranhenses

Boi da Madre Deus: Resistência e tradição

Ao longo de sua história a brincadeira teve seus momentos de glória ganhando prêmios, viajando para outros estados e agora resiste para manter sua tradição nos arraiais da capital maranhense

Dino é o mais votado para suceder Janot

Dino obteve 621 votos e encabeçará a lista tríplice, com os três mais votados, que será enviada ao presidente Michel Temer

Facebook alcança marca de 2 bilhões de usuários

De acordo com números da empresa, 800 milhões de pessoas curtem postagens no Facebook todos os dias.

Trânsito é modificado para o festejo de São Marçal

As interdições ocorrerão no sentido Bairro-Centro, pela Avenida São Marçal, quando o trânsito será desviado na Jordoa

Partidos são punidos por propaganda irregular

Punição deverá ser aplicada no segundo semestre de 2017 ao PTB, PMN, PSB, PSC e PP. Partidos terão redução do tempo de propaganda partidária gratuita

Animais na rua: questão de saúde pública

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, há cerca de 30 milhões de animais abandonados no Brasil.

Conversamos com o 'Cacuriá do Candinho' sobre vídeo polêmico

Em entrevista a O Imparcial, Candinho comentou a repercussão negativa de vídeo que chocou muita gente e viralizou nas redes sociais

Condomínio precisa ser evacuado

Após denuncia de moradores ao Ministério Público do Maranhão e vistoria dos bombeiros, a instituição decretou o prazo de 5 dias para a evacuação dos moradores

Bandidos 'justiceiros' punem criminosos que excedem ordens

Vídeos que circulam nas redes mostram bandidos sendo punidos com tiros nas mãos e nos pés; a ordem é dada pelos próprios integrantes das facções

VEJA MAIS