Feminicídio

Suspeito é preso por matar ex-companheira asfixiada enquanto dormia em Imperatriz

O suspeito não aceitava o fim do relacionamento com Jovelany, que já estava em um novo relacionamento.

Reprodução

Um homem de 38 anos foi preso temporariamente no último domingo (7), suspeito de assassinar sua ex-companheira, Jovelany Rodrigues Brito, de 22 anos, na cidade de Imperatriz.

De acordo com a Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), o crime ocorreu na madrugada do dia 11 de maio deste ano, no povoado Olho d’Água dos Martins, zona rural de Imperatriz. Jovelany foi asfixiada enquanto dormia.

O delegado James Ferreira, titular do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) de Imperatriz, informou que o suspeito cometeu o crime por não aceitar o fim do relacionamento com Jovelany, que já estava em um novo relacionamento.

Com a confirmação de que se tratava de um caso de feminicídio, a Polícia Civil solicitou a prisão do suspeito.

O pedido foi aprovado pela Central de Inquérito e Custódia, com parecer favorável do Ministério Público do Maranhão (MP-MA).

Após a prisão, o suspeito foi encaminhado à Unidade Prisional de Imperatriz, onde permanecerá à disposição da Justiça.

VER COMENTÁRIOS
Polícia
Concursos e Emprego
Esportes
Entretenimento e Cultura
Saúde
Mais Notícias