Encontro

Profissionais do Crea discutem obras para famílias de baixa renda

Manutenção de obras e acesso de famílias de baixa renda aos serviços de engenharia são discutidos durante Congresso de Profissionais do Maranhão

Reprodução

Temas como a necessidade e obrigação da manutenção de edificações e estruturas como pontes e viadutos pelo seu responsável, gestor público ou privado e a assistência técnica às famílias de baixa renda que não têm acesso aos serviços de engenharia fizeram parte das discussões do 10º Congresso de Profissionais do Maranhão (10º CEP-MA). O evento foi realizado nesta terça-feira (23) pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão (Crea-MA), no auditório do IFMA Campus Monte Castelo.

O presidente do Crea-MA, Berilo Macedo, que proferiu a palestra tema do evento: “Estratégias da Engenharia e da Agronomia para o Desenvolvimento Nacional” afirmou que com o rompimento da barragem de Brumadinho, a queda do prédio no Rio de Janeiro e a ponte que caiu em Brasília no ano passado, é preciso discutir a obrigatoriedade da manutenção de obras públicas.

Participaram do 10º CEP-MA, cerca de 100 pessoas, dentre elas, gestores de órgãos públicos e instituições privadas, entidades de classe, instituições de ensino, professores, graduandos e profissionais da Engenharia, da Agronomia e das Geociências.

Berilo Macedo afirmou que a realização do congresso traz uma oportunidade importante para discutir ações e apresentar propostas que contribuam para a melhoria da atuação dos Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia do país, que tem como atribuição fiscalizar se as obras e serviços estão sendo realizados por profissionais habilitados. “Este congresso está sendo realizado por todos os Crea´s do Brasil. No Maranhão, fizemos oito encontros preparatórios para o 10º CEP-MA, dois deles em São Luís, com as Instituições de Ensino e Entidades de Classe, e os outros seis em Açailândia, Imperatriz, Balsas, Caxias, Santa Inês e Chapadinha”, informou.

No congresso estadual também foram eleitos os delegados que irão para o 10 º Congresso Nacional de Profissionais, que acontecerá em setembro, em Palmas, no Tocantins.

Além do presidente do Crea-MA, também participaram da abertura do evento a presidente da Agência de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged-MA) Fabíola Mesquita, a chefe geral da Embrapa Cocais, Maria de Lourdes Mendonça, o diretor de Benefícios da Mútua – Caixa de Assistência aos Profissionais do Crea, Jorge Silveira, o secretário de Relações Parlamentares de São Luís, Nonato Chocolate e o professor do Ifma, Fernando Tocantins.

Também fez parte da programação do 10º CEP-MA as palestras “Engenharia Agronômica e Desenvolvimento”, ministrada pelo consultor da Federação da Agricultura e Pecuária do Maranhão (Faema), César Viana e “A importância da inovação para as engenharias”, apresentada pela Gerente de Cultura Empreendedora do Sebrae-MA, Raíssa Marins.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias