Ilhinha

Trio suspeito de comercialização de drogas vai em cana

A prisão ocorreu no exato momento em que Cebson iria realizar a entrega da droga a um comprador, instante em que foram abordados pela equipe da Senarc

Reprodução

Ação de combate contra o tráfico de entorpecentes pela Polícia Civil aconteceu no bairro da Ilhinha, em São Luís, onde após investigações e monitoramentos culminou na prisão de três suspeitos. Eles estavam envolvidos com o trafico de entorpecentes, onde foram flagrados pela equipe da Senarc com 1 kg de uma substância aparentando ser maconha e R$ 448 em dinheiro.

A operação da Polícia Civil foi realizada pela Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), mais precisamente na Av. Ferreira Goulart, onde foram presos Clebson Junio Jansen Lemos, conhecido por “Quebô; Paulo Roberto Soares Ferreira e Adriano Mendes Seguins, tendo em vista por conta das investigações, que eles são responsáveis pela venda de droga na região da Ilhinha.

A prisão ocorreu no exato momento em que Cebson iria realizar a entrega da droga a um comprador, instante em que foram abordados pela equipe da Senarc. No momento da abordagem, Paulo Roberto e Adriano Mendes, ainda empreenderam fuga, porém foram contidos pelos policiais.

Com os conduzidos foi encontrado cerca de um quilo de maconha, R$448 em dinheiro proveniente da venda da droga, além de pinos, utilizados para acondicionar cocaína.

Nesta ação da Polícia Civil é importante ressaltar que Clebson Junio Jansen Lemos encontrava-se foragido da justiça, pois possuía mandado de prisão em aberto, pelo crime de roubo. Após a ação policial, os conduzidos foram encaminhados à sede da Senarc, localizada no Bairro de Fátima, onde foram autuados em flagrante delito por prática de crime de tráfico e associação para o tráfico ilícito de drogas.

Após os trabalhos da equipe policial, todos foram prontamente encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias