RECUPERAÇÃO

Professor da UFRJ esfaqueado na Lagoa da Jansen sai do Hospital

O professor titular da UFRJ que foi atingido por golpes de faca no braço e no tórax durante um assalto se recuperou bem e teve alta do hospital

O professor foi socorrido ainda no local pela técnica de enfermagem, Lilia de Jesus. Foto: Divulgação/ HU-UFMA

O professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Antônio José Teixeira Guerra, de 66 anos, recebeu alta do Hospital Universitário da UFMA (HU-UFMA) depois de ter sido esfaqueado durante um assalto na Lagoa da Jansen no dia 15 deste mês.

Antônio passeava no local quando foi abordado por um assaltante e atingido por golpes de faca no braço e tórax. A vítima foi socorrida pela técnica de enfermagem, Lília de Jesus que prestou os primeiros socorros.

O professor  passou por um procedimento cirúrgico no braço esquerdo conduzido pelos cirurgiões vasculares José Ribamar de Souza  e José Armando Filho no Socorrão I, e encaminhado para o HU-UFMA para fazer o restante do acompanhamento com a equipe do Serviço de Cirurgia Vascular.

O cirurgião vascular Sebastião Brito explica que o professor recebeu alta após a retirada dos pontos, devido a uma considerada perfusão distal no braço. Passou por exames, fez uso de antibioticoterapia, entre outros cuidados.

O professor da UFRJ é referência nacional e internacional em Geomorfologia, e estava em São Luís  para participar de um evento acadêmico.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS