POLÍCIA

Médico é preso em Chapadinha por direção perigosa e embriaguez ao volante

O médico Max Geniff Ramos da Costa foi preso na noite desta segunda, 19, após dirigir embriagado pelas ruas do centro de Chapadinha

Foto: Reprodução

Um homem conduzindo uma Hillux causou medo aos moradores da Travessa 15 de Novembro e da Rua Sebastião Barbosa, no Centro de Chapadinha, na noite desta segunda-feira, 19.

Identificado pela polícia como Max Geniff Ramos da Costa foi conduzido à delegacia da cidade após realizar diversas manobras perigosas, transpondo barreiras dispostas nas ruas que estavam interditadas. “A população fechou as ruas com objetos  em  protesto.  Max chegou a passar por cima dessas barreiras”, afirma o Delgado da Regional de Chapadinha, Jairo Timbó.

Após perceber a presença da polícia, Max ainda tentou iniciar uma fuga, mas foi impedido pela guarnição da Guarda Municipal e da polícia Militar.

Max era médico na cidade de Chapadinha e trabalhava na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município. Ele foi preso em flagrante e autuado por direção perigosa e embriaguez ao volante. Após pagar fiança de R$ 1874,00, foi liberado.

O Imparcial tentou entrar em contato com o médico, mas até o momento da publicação desta matéria não obteve resposta.

VER COMENTÁRIOS
LER MATÉRIA COMPLETA
MOSTRAR MAIS