SEMANA SANTA

Confira opções de peixes mais baratos que o bacalhau para a Semana Santa

No Mercado Central, em São Luís, a procura por peixes alternativos que possam substituir os tradicionais da Páscoa está intensa. Confira quais peixes usar!

Para os consumidores que não estão com os bolsos muito cheios e ainda assim querem garantir o peixinho para a Semana Santa, os feirantes afirmam que tem opção para todos. No Mercado Central, em São Luís, a procura por peixes alternativos que possam substituir os tradicionais da Páscoa está intensa e a exigência do consumidor faz com que ele não aceite a primeira oferta.

“Eu não vou comprar bacalhau, mas também não vou levar qualquer peixe. Eu procuro bastante e sei que tem muito peixe bom que é metade do preço desses outros. Para não quem conhece pescado, é só perguntar, pedir desconto e conversar. Dá para fazer uma ceia bonita com outros peixes”, diz o segurança Jonathan Silva.

Veja também: Comerciantes preveem boas vendas para a Semana Santa

Segundo o peixeiro Antônio Rodrigues, há 29 anos no Mercado Central, este ano será muito bom para as vendas. Ele diz que a possibilidade de comprar peixes frescos, e a variedade de opções atrai muitos clientes. “O pessoal se adapta aos peixes que tem, mas também tem muita opção para quem não pode comprar um bacalhau, por exemplo. A semana santa caiu bem na safra de peixe e a maré está muito boa para a pesca, por isso, acho que as vendas vão ser boas”. As opções são as mais diversas, mas, segundo Antônio, os mais procurados são o pejupirá, que, segundo ele, é o bacalhau brasileiro e está em média R$15 reais o quilo, e a jabiraca, que fica entre 25 e 30 reais.

Bacalhau x jabiraca

A curiosidade da Jabiraca é ser conhecido como o bacalhau do Maranhão, por substituir muito bem o peixe português à mesa. O peixe na verdade é a traíra, que depois de aberta pelas costas, com ou sem cabeça, é salgada e exposta ao sol para desidratar. Uma iguaria vinda da Baixada Maranhense que compõe muitas receitas e é popularmente chamada de “bacalhau da água doce”.

Ele diz que outros peixes também são os queridinhos dos consumidores nesse período. “Eu tenho a pescada que é uma das mais fáceis de fazer e é muito procurada por ser carnuda também. As pessoas vêm procurando o uritinga, outro que sai muito nesse período. O que não falta é peixe para a semana santa, basta saber a receita que quer fazer”. Quem vai muitas vezes à feira com a ideia de comprar o bacalhau acaba saindo com outros peixes e ainda satisfeito pela economia que fez. É o caso da dona de casa Rita de Cássia, que preferiu optar por um substituto mais abrasileirado do português. “O bacalhau é muito bom, mas hoje não dava para comprar, então, eu estou levando a jabiraca mesmo, que dá para fazer uma torta bem gostosa”, conta ela.

Veja a variação de preços dos peixes para a Semana Santa

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS