NOVO OLHAR

A Via-Crúcis de Cristo em forma de dança

Com proposta inusitada, Balé do NAI apresenta hoje e amanhã, no Teatro Arthur Azevedo, o espetáculo de dança Via-Crúcis, que refaz os últimos momentos de Cristo na Terra

Apresentação vai retratar por meio da dança a trajetória de Jesus

A caminhada de Jesus ao Calvário, relatada mundialmente como Via-Sacra, se faz presente em muitos momentos que evidenciam a cultura religiosa do Cristianismo. O Balé Adulto do Núcleo Arte da Ilha (NAI), numa proposta inusitada, apresenta hoje e amanhã, a partir das 19h30, no Teatro Arthur Azevedo, Via-Crúcis, um espetáculo de dança em que toda a trajetória de Jesus Cristo ganha uma nova leitura através de um contexto coreográfico.

Segundo José Menezes, coreógrafo e diretor do espetáculo de dança, os bailarinos por meio de movimentos coreografados mostrarão no palco o percurso feito por Jesus, que carregou a cruz desde o Pretório de Pôncio Pilatos até ao Monte Calvário, onde foi crucificado.

José Menezes ressaltou que a encenação também é uma maneira de provocar no público uma reflexão simultaneamente ao espetáculo e ao verdadeiro sentido da Paixão de Cristo. “Via-Crúcis, um momento inédito das artes no Maranhão, vem para mostrar ao público um contexto histórico milenar da saga de um homem que disseminou sua alma de bem-querer e, por isso, foi julgado sob Pôncio Pilatos, que lavou as mãos e nada fez para evitar sua crucificação”, resumiu o diretor.

Com a duração de uma hora e classificação livre Via-Crúcis contará com um corpo de baile formado por: Branco Aquino, Carlos Maciel, Fernanda Costa, Fernando Saraiva, Frank Lucena, Jhennifer Botelho, Joilson Ferraz, Karoline Carvalho, Kakau Santos, Michelle Vieira, Pamela Silva, Renan Beckman e Sheila Barros.

Em entrevista a O Imparcial, José Menezes revelou que sempre teve a pretensão de montar um espetáculo de dança com uma temática religiosa, e que já havia feito uma experiência com estudantes do ensino médio, mas a sua vontade era montar um espetáculo com bailarinos com nível técnico de dança avançado, ou seja, mais profissional.

Eu acredito que nunca no mundo tenha sido feita uma montagem da Via-Sacra só com bailarinos no palco sem interpretação de texto, somente com passos de dança. É por meio da coreografia que o público vai identificar cada momento da Via-Crúcis de Cristo. Está sendo um trabalho bastante edificante, e resultado tem sido bastante positivo”, avaliou Jose Menezes.

O diretor informou ainda que há 75 dias ininterruptos os bailarinos estão ensaiando as coreografias do espetáculo, pois, segundo ele, todos se revezam no palco interpretando diferentes papéis. José Menezes disse ainda que a maior dificuldade que encontrou para montar o espetáculo foi a falta de apoio, que também serviu para motivá-lo a não desistir do projeto.

“Já tinha feito experiências anteriores, e o que eu precisava era só criar a coreografia, pois todo o roteiro eu já havia concebido. Via-Crúcis vai proporcionar, a quem for assisti-lo, uma releitura do sofrimento vivido por Cristo, que deu a sua vida para salvar a humanidade. Acredito que será emocionante tanto para quem estiver no palco, quanto na plateia”, disse ele.

Serviço

O que? Via-Crúcis
Quando? Hoje e amanhã,
a partir das 19h30
Onde? Teatro Arthur Azevedo, Rua do Sol S/N, Centro
Quanto? R$ 40 (plateia e frisa);
R$ 30 (camarote, balcão e galeria)
Duração – 60 minutos
Classificação – Livre

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS