FIM DA SÁTIRA?

Mascaras de políticos são pouco procuradas nesse carnaval

Em São Luís, entrevistamos várias pessoas sobre o assunto, e a maioria delas se demonstrou desinteressada. Com raríssimas exceções, as pessoas estão decepcionadas e desacreditadas dos políticos não só do Brasil, mas do Maranhão também.

Foto: Reprodução

Muito comuns na época de carnaval pelo Brasil, seja para homenagear ou para satirizar, as máscaras de políticos parecem estar em baixa este ano. Ao contrário de outros anos, comerciantes não estão mais investindo nos estoques com máscaras de políticos e nem os foliões têm mais interesse em lembrar deles no carnaval.

Em São Luís, entrevistamos várias pessoas sobre o assunto, e a maioria delas se demonstrou desinteressada. Com raríssimas exceções, as pessoas estão decepcionadas e desacreditadas dos políticos não só do Brasil, mas do Maranhão também.

“Carnaval é alegria. Se algum dos políticos merecesse partilhar dessa alegria no carnaval, eu com certeza usaria uma máscara homenageando, mas nenhum merece. Merece mesmo é cair no esquecimento e, para alguns, o merecimento é ser preso. Poderia até utilizar, mas para ridicularizar”, afirma a professora Maria Andrade Silva.

Para a autônoma Cláudia Regina Campos, 47 anos, ela até usaria a de um político. Na opinião dela, foi o único capaz de tirar o Brasil da miséria. “Eu usaria a de Lula para homenagear ele. Graças a ele, antes eu tinha as minhas coisas. Agora ninguém tem condição de comprar nada. Quem fala mal dele são os ricos. Pobre não reclama”, garante ela.

Em anos anteriores, as máscaras de políticos fizeram muito sucesso. Em 2016, embora não seja político, até o “japonês da Federal” – agente da Polícia Federal que ganhou notoriedade ao participar de conduções de presos na Operação Lava-Jato – caiu no gosto dos foliões e virou um personagem muito representado. O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava-Jato, também foi um dos que ganharam homenagens. Mas essa história está bem diferente neste ano de 2018, mesmo sendo um ano de eleição.

“Eu acho que as pessoas estão cansadas de serem enganadas. Homenagear político? Botar a cara deles na frente da sua? Quero ver quem é que vai ter essa coragem de virar piada e correr até o risco de ser agredido. Eu não tenho”, enfatiza o técnico administrativo Pedro Silva Araújo.
Se as máscaras de políticos estão em baixa, lojistas e vendedores afirmaram que as fantasias de super-heróis e unicórnio são as mais procuradas nesse carnaval. E aqui por São Luís, a máscara de fofão ainda continua sendo a grande preferência do carnaval mais tradicional.

“Aqui em São Luís ou não se bota nada ou se bota máscara de fogão. Nada de botar máscara de político. Eles não merecem”, diz o estudante Alberto Freitas.
Conversamos com pessoas nas ruas de São Luís e perguntamos: “Se você fosse usar uma máscara de político no carnaval, qual seria?”. Veja as respostas.

Foto: Karlos Geromy

Nenhuma. Primeiro porque não gosto de carnaval. Segundo porque mesmo se gostasse não teria motivo pra ir pro bloco com a cara do político. Esses políticos são todos ladrões. Não dá para confiar em ninguém e ninguém merece ser homenageado”

Ivaldo Andrade, 58 anos, autônomo

Foto: Karlos Geromy

Olha, eu até usaria. Seriam de dois políticos que admiro muito. Um é Pavão Filho, que sempre me tratou bem, independente de ser eleição ou não. E o outro é Braide, que sempre foi muito atencioso e trata todo mundo igual. Acho que homenagearia eles sim

Crescência Alves, 62 anos, vendedora

Foto: Karlos Geromy

Não usaria. Acho que nenhum merece isso. Os políticos merecem é a prisão. Fazem mal para a população, enganam, mentem, roubam

José Alberto, 41 anos, fretista

Foto: Karlos Geromy

Não. Muito ladrão. Político nenhum merece acabar com a nossa alegria no carnaval (risos). Este é ano de eleição, então vamos ver o que eles vão dizer, mas por enquanto não estou feliz com nenhum deles

Joelson Araújo, estudante

Foto: Karlos Geromy

Eu não usaria e não usarei de nenhum. Nenhum merece nosso respeito. Já poderia votar se quisesse, mas só vou fazer isso quando for realmente obrigatório, porque até agora não vejo nenhum que lute pelo povo

Bruna Queiroz, 17 anos, estudante

Foto: Karlos Geromy

Usaria sim. A de Lula. Para mim, foi o melhor presidente que o país já teve. Foi com ele que pobre teve condição de comprar um carro, de viver melhor. Temer é o pior que já teve. Ah, também usaria uma de Roseana. Foi a melhor governadora que já tivemos. Esses dois, para mim, merecem todas as homenagens

Estefanya Paiva, 20 anos, vendedora

MOSTRAR MAIS