ARTE LÚDICA

Bonecas de Maria em exposição na Galeria de Arte Sesc

Composta por 100 bonecas de panos inéditas e de tamanhos, estilos e cores variados, o trabalho fica aberto à visitação até o dia 23 de março na Galeria de Arte do Sesc Centro

Reprodução

O brincar com bonecas de pano permite ampliar as expressões afetivas e comunicacionais das crianças, além de estimular a construção do imaginário. Resgatando as lembranças de infância e a importância do fazer artesanal, o Sesc apresenta ao público a partir do dia 23 de fevereiro, às 9h30, a exposição “Bonecas de Maria” da artista Maria Mendonça. Composta por 100 bonecas de panos inéditas e de tamanhos, estilos e cores variados, o trabalho fica aberto à visitação até o dia 23 de março na Galeria de Arte do Sesc Centro, das 09 às 17 horas.

Em tempos de brinquedos tecnológicos e internet, a boneca de pano é uma ótima oportunidade de trabalhar a ludicidade e trazer de volta a interação nas brincadeiras infantis, solidificando as relações sociais e familiares.

Nina Veiga, doutora em Educação e educadora Waldorf, afirma que a boneca de pano é um elemento cultural que permite a expressão da criança. “Quanto mais rudimentar, menos sofisticada e com menos detalhes, quanto mais a criança puder usar a boneca como se usa uma argila para modelar, mais a expressão da criança pode estar no brinquedo”, explicou.

Na exposição as bonecas de pano serão colocadas dentro de caixinhas de MDF pintadas de branco e expostas de forma lúdica e em uma altura que favoreça primeiramente a visão das crianças que visitarem o espaço.

Para a artista Maria Mendonça a arte de confeccioná-las remonta à sua infância em Bacurituba, baixada maranhense, um lugarejo distante onde os brinquedos tinham que ser fabricados no próprio local. Ao produzir as próprias bonecas, dos irmãos e das amigas, ela se apaixonou pelo ofício.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS