evento

Turma de Mangueira e Favela do Samba realizam o Baile Rosamarela

Com a intenção de resgatar o glamour e a alegria dos antigos bailes de carnaval, Turma de Mangueira e Favela do Samba uniram-se para fortalecer a cena do carnaval maranhense com o Baile Rosamarela

Reprodução

As escolas de samba de São Luís Turma de Mangueira e Favela do Samba uniram-se para fortalecer a cena do carnaval maranhense. Com o intuito de promover um intercâmbio entre os grandes puxadores das escolas de samba do Maranhão e do Rio de Janeiro, vai ser realizada no próximo dia 27 de janeiro a primeira edição do Baile Rosamarela, a partir das 20h, na Casa do Maranhão, no Centro Histórico. A festa terá como atração o cantor e compositor Neguinho da Beija Flor, As Brasileirinhas, Banda Nina Show, Bateria da Favela do Samba e Bateria da Turma de Mangueira com direito a open bar de caipirinha.

Segundo Itamilson Correa Lima, que é presidente da Liga das Escolas de Samba de São Luís e presidente da Escola de Samba Tuma de Mangueira, a ideia do baile surgiu a partir de uma conversa com o presidente da Escola de Samba Favela do Samba sobre a carência que a cidade tem de bailes carnavalescos, que já foram uma tradição na cidade. “Este baile traduz um desejo da comunidade do samba. As escolas Favela do Samba e Mangueira resolveram unir força para oferecer algo que pudesse agregar ao calendário cultural e carnavalesco da cidade. Esta é uma oportunidade tanto para a comunidade do samba, quanto os apaixonados por carnaval, no que tange proporcionarmos um baile como várias atrações onde reinará a alegria do carnaval”, disse Itamilson Lima, informando que a melhor fantasia do baile ganhará como prêmio a quantia de R$ 500.

Itamilson Lima ressaltou ainda que o baile servirá para relembrar os antigos sambas-enredos das três escolas de samba que marcaram os carnavais de São Luís e do Rio de Janeiro, além de popularizar os sambas-enredos destas escolas para o carnaval 2018. O carnavalesco ressaltou que, para este ano, o enredo da Mangueira para o carnaval de 2018 será No Jubileu de Álamo, Oxóssi recebe o panteão dos orixás no Xirê da Mangueira. “Jubileu é uma comemoração religiosa da Igreja Católica celebrada dentro de um ano santo. A origem da palavra vem do hebraico yovel, que refere-se ao carneiro cujo chifre foi usado para anunciar o ano festivo. Para alguns estudiosos, yovel vem do verbo hebraico “trazer de volta”, pois escravos voltavam a seu estado anterior de liberdade, não sendo mais servos de homens e, sim, apenas do criador. Enquanto que Álamo é uma espécie de árvore da família das Salícaceae, sendo originária do continente africano com incidência também nos continentes asiático e europeu. A Celebração de 90 anos de um fato marcante é chamada Jubileu de Álamo, e este ano a Turma de Mangueira comemora os seus 90 anos. E esta foi uma das razões da escolha deste enredo para o carnaval 2018”, explicou Itamilson Lima.

Já a campeã do Carnaval 2017 de São Luís, a escola Favela do Samba, terá como tema do carnaval deste ano Visões da Coluna Prestes: Nas Trilhas do Sul do Maranhão, uma Coluna Vertebrada, com Ossos feitos de sonhos e esperanças, baseado na obra do escritor Sálvio Dino, especialmente inspirado no livro A Coluna Revolucionária Prestes a Exilar-se. Dessa maneira, a Favela do Samba deverá mais uma vez recorrer à história recente do Maranhão no episódio que envolveu o movimento tecnicista e o “Cavaleiro da Esperança”, Luís Carlos Prestes, durante a passagem pelo Maranhão, quando pretendia chegar à capital maranhense em um movimento de rebeldes para instalar uma trincheira socialista no Brasil. Para o presidente da Favela, o advogado João Moraes, o livro de Sávio Dino é uma obra rica em detalhes e que dará margem para a realização de um belo enredo e um excelente roteiro carnavalesco para a escola do Sacavém. De acordo com João Moraes, “a ideia do enredo é revisitar o movimento político que faz parte da história do Maranhão e do Brasil com a leveza de um olhar poético-crítico para produzirmos um grande desfile na Passarela do Samba”.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS