Caso Pitágoras

Segurança de alunos da Pitágoras é discutida em audiência

Convocada pela Vara de Interesses Difusos e Coletivos da capital, a audiência discutirá melhores condições de educação, qualidade e segurança aos alunos da faculdade Pitágoras 

Foto: Reprodução

Na tarde de hoje, 27, acontecerá audiência pública, convocada pela Vara de Interesses Difusos e Coletivos da capital, por melhores condições de educação, qualidade e segurança aos alunos da faculdade Pitágoras.

A audiência acontece às 15h, no Fórum Desembargador Sarney Costa, com participação do juiz titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, Douglas Martins. Na ocasião, o presidente do PROCON/MA, Duarte Júnior, também defenderá ensino de qualidade aos alunos, além do cumprimento de diversas obrigações por parte da faculdade.

Falta de segurança e infraestrutura

No dia 10 de novembro, na Faculdade Pitágoras campus Turu, em São Luís, ocorreu um incidente no elevador da instituição colocando em risco os alunos. Dias depois, assalto dentro da sala de aula causou pânico e prejuízo aos estudantes no local.

Pela falta de controle de entrada e saída na faculdade, indo contra a base do artigo 6º, inciso I, da Lei nº 8078/90 que garante o direito do consumidor proteção à vida, saúde e segurança, o Procon/MA notificou a Pitágoras, cobrando esclarecimentos e soluções.

Sobre a audiência

Na audiência que acontecerá hoje, a comunidade acadêmica terá oportunidade de demonstrar suas insatisfações perante a justiça, com intuito de garantir mais força e subsídios à ação proposta pelo Procon e permitir solução definitiva para o caso, com a efetiva melhoria nas condições dos serviços ofertados pela instituição de ensino.

Divulgação

MOSTRAR MAIS