Infraestrutura

Trânsito sofrerá alterações na Av. Jerônimo de Albuquerque

Prefeitura anunciou implantação de nova sinalização horizontal e vertical e mudança geométrica da via

Reprodução

A Prefeitura de São Luís firmou, nesta quarta-feira (16), termo de cooperação técnica com o Hospital São Domingos para obras de reordenamento viário na Avenida Jerônimo de Albuquerque, com implantação de nova sinalização horizontal e vertical e mudança geométrica da via. O acordo faz parte das ações de melhoria no trânsito da capital por meio de parceria com entidades geradoras de tráfego, conforme Lei 4.052, de 13 de março de 2002, e foi assinado pelo prefeito Edivaldo, pelo presidente do São Domingos, Hélio Mendes, e pelo secretário municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), Canindé Barros.

“Estamos firmando cooperação para mais uma intervenção fruto de parceria público-privada. Nesse eixo da Jerônimo de Albuquerque nós assinamos uma parceria com a Faculdade Pitágoras, que já está fazendo duas intervenções e, agora, com o Hospital São Domingos, em parceria com o objetivo claro de dar maior fluidez ao trânsito e mais conforto e segurança para a população”, disse o prefeito Edivaldo.

Durante seu pronunciamento, o prefeito lembrou que ao longo dos últimos quatro anos e meio de gestão, a Prefeitura de São Luís tem trabalhado de forma efetiva no sentido de garantir mais mobilidade urbana. “Para isso, tem firmando importantes parcerias com o Governo do Estado e com a iniciativa privada que têm trazido muitos benefícios à população” frisou o prefeito.

Edivaldo citou como exemplo as intervenções realizadas na Avenida Guajajaras, próximo ao aeroporto e na Forquilha. “As intervenções têm mudado o traçado geométrico de várias vias e ajudando muito na melhoria da mobilidade urbana na capital”, completou o prefeito.

O presidente do Hospital São Domingos destacou que a parceria tem um grande alcance social, uma vez que impacta de forma positiva na vida das pessoas que circulam diariamente pela via. “O nosso intuito é cooperar com a cidade de São Luís. E eu diria até que os empresários da cidade devem olhar por esse aspecto, não pensar que a cidade só tem que fazer por eles, mas que também façam alguma coisa pela cidade e não esperem só pelo poder público”, disse Hélio Mendes, que estava acompanhado do engenheiro Raimundo Nascimento Mendes.

OBRA

A obra compreenderá o trecho que vai do elevado da Cohama até a entrada do bairro Bequimão (Roque Santeiro). Com a intervenção serão criadas três pistas no sentido bairro-centro e três no sentido centro-bairro e a retirada dos semáforos da entrada do bairro Cantinho do Céu, próximo ao Atacadão, bem como a criação de alças de esquerda livres.

O secretário Canindé Barros observou que a obra vai melhorar o tráfego em pontos cruciais da via. “A realização dessa intervenção, indiscutivelmente, vai trazer uma melhor fluidez ao longo de todo esse corredor de transporte, visto que este corredor corresponde a uma espinha dorsal do sistema viário da capital, que é a Guajajaras e Jerônimo de Albuquerque”, disse o secretário.

Canindé Barros explicou que a obra soma-se a outras que estão, ou que já foram concluídas ao longo desse corredor viário. “Nós já fizemos a Forquilha, estamos fazendo a da rotatória da Cohab até a igreja, estamos fazendo uma melhoria na rotatória da Guajajaras que dá acesso à Lourenço Vieira da Silva. Nos pontos críticos da Avenida Guajajaras e Jerônimo de Albuquerque nós estamos intervindo, atacando justamente nos pontos críticos”, explicou o secretário.

PARCERIAS

A SMTT desenvolve atualmente três ações de melhorias no trânsito da capital, por meio da parceria público-privada com instituições geradoras de tráfego instaladas nas imediações das intervenções.

Está em fase de execução a intervenção de reordenamento viário, em parceria com a MRV Engenharia, nos cruzamentos das avenidas São Luís Rei de França com General Arthur Carvalho e Rua Boa Esperança. A intervenção consiste na implantação de fluxo de trânsito de mão única em alguns trechos (Rua Eurípedes Bezerra até a Rua Mato Grosso, sentido Miritíua); retorno do Miritíua para a Avenida São Luís Rei de França vai ocorrer por um contorno de quadra na Rua Mato Grosso, seguindo a Ponte do Pai Inácio. Rua Nossa Senhora da Vitória, saindo na Avenida São Luís Rei de França), revitalização da sinalização horizontal e vertical, assim como a reprogramação semafórica. A ação envolve o entorno da Ponte do Pai Inácio, resolvendo o engarrafamento que ficava no cruzamento da Rua Mato Grosso com a Rua Artur Carvalho.

No cruzamento da Avenida Guajajaras com Avenida Lourenço Vieira da Silva, a Prefeitura de São Luís, em parceria com o Grupo Kroton (Faculdade Pitágoras), iniciará a retirada da rotatória e implantará um cruzamento semaforizado, além do reordenamento viário no local.
Ainda por meio de parceria com entidades geradoras de tráfego, a Prefeitura está em fase de executar reordenamento viário, em parceria com a MRV Engenharia, para melhoria do trânsito nos cruzamento da avenidas São Luís Rei de França com General Arthur Carvalho e Rua Boa Esperança. A obra consiste no fluxo de trânsito de mão única em alguns trechos da Rua Eurípedes Bezerra até a Rua Mato Grosso, sentido Miritíua.

O retorno do Miritíua para a Avenida São Luís Rei de França, quando concluída à obra, ocorrerá por um contorno de quadra na Rua Mato Grosso, seguindo a Ponte do Pai Inácio, entre outras mudanças.

MOSTRAR MAIS