Decisão do STF

STF decide que preso tem direito a indenização por condições precárias em cadeia

A questão foi decidida no caso de um preso que ganhou o direito de receber R$ 2 mil em danos morais após passar 20 anos em um presídio em Corumbá (MS)

Por: Agência Brasil

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (16) que presos em situações degradantes têm direito a indenização em dinheiro por danos morais. Por unanimidade, a Corte entendeu que a superlotação e o encarceramento desumano geram responsabilidade do Estado em reparar os danos sofridos pelos detentos pelo descumprimento do princípio constitucional da dignidade da pessoa humana.

A questão foi decidida no caso de um preso que ganhou o direito de receber R$ 2 mil em danos morais após passar 20 anos em um presídio em Corumbá (MS). Atualmente, ele cumpre liberdade condicional.

Os ministros Luís Roberto Barroso, Edson Fachin, Rosa Weber, Luiz Fux, Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Celso de Mello e a presidente do STF, Cármen Lúcia, votaram a favor do pagamento da indenização. Houve divergência apenas em relação ao pagamento dos danos morais para o caso julgado.

Apesar de também entender que a indenização é devida, Barroso entendeu que o pagamento em dinheiro não é a forma adequada para indenização e sugeriu a compensação por meio da remição (redução da pena) na proporção de um a três dias de desconto na pena a cada sete dias que o detento passar preso inadequadamente. Para Barroso, a indenização pecuniária agravaria a situação fiscal dos estados.

“A indenização pecuniária não tem como funcionar bem. É ruim do ponto de vista fiscal, é ruim para o preso e é ruim para o sistema prisional. É ruim para o preso porque ele recebe R$ 2 mil e continua preso no mesmo lugar, nas mesmas condições”, argumentou Barroso.

O ministro Luiz Fux concordou com Barroso e afirmou que a situação dos presídios contraria a Constituição, o que torna as condenações penas cruéis. “A forma como os presos são tratados, as condições das prisões brasileiras implicam numa visão inequívoca de que as penas impostas no Brasil são cruéis”, disse.

Dignidade e integridade

O ministro Marco Aurélio votou a favor do pagamento da indenização em dinheiro e disse que o Estado deve cuidar da dignidade do preso e de sua integridade física. “É hora de o Estado acordar para essa situação e perceber que a Constituição Federal precisa ser observada tal como se contém. A indenização é módica tendo em conta os prejuízos sofridos pelo recorrente [preso].”

Cármen Lúcia também votou a favor do pagamento da indenização pecuniária e destacou em seu voto as visitas que tem feito a presídios do país como presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Em uma das inspeções, a ministra diss que encontrou presas grávidas que foram algemadas na hora do parto.

Segundo Cármen Lúcia, a falta de cumprimento da lei em relação aos direitos dos detentos também gera casos de corrupção no sistema prisional.

“O que se tem no Brasil decorre de outro fator, que ao visitar essas penitenciárias a gente tem uma noção grave, é da corrupção que há nestes lugares. Troca-se a saída de alguém que não tenha direito por algum benefício. A situação é bem mais grave do que possa parecer, de não cumprimento da Lei de Execução Penal”, afirmou a ministra.

Procon lacra e notifica postos em SL

Entre os dias 15 e 25 de março, três postos foram lacrados e dois autuados por irregularidade quanto aos materiais necessários para o teste de qualidade ou ao horário mínimo de funcionamento

Estaleiro Escola realiza '1ª Feira do Livro'

O evento tem como objetivo despertar a comunidade para o hábito da leitura, de forma dinâmica, envolvendo a cultura de forma lúdica

Cuidado com ofertas de internet fixa com limite

A limitação do uso da banda larga fixa está proibida pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) desde abril

Chile, China e Egito anunciam retomada da importação

Os países haviam anunciado a suspensão temporária à importação de carne do Brasil até que fossem prestados esclarecimentos sobre o caso

Os jovens que fizeram sucesso antes dos 30

O perfil de todos os eleitos está na revista Forbes Brasil

Crítica ao longa Power Rangers

Power Rangers é o novo longa da franquia que fez sucesso na televisão nos anos 1990

Sétima edição da Corrida Super Ar

Inscrições estão abertas até o dia 31 deste mês. Este ano, o evento ocorre no dia 4 de junho, com concentração dos participantes às 5h30, na Praça dos Pescadores, Praia de São Marcos

inaugurado novo cartão-postal da cidade

As obras para requalificação foram iniciadas ano passado, tendo como foco a garantia de segurança e lazer para a população de São José de Ribamar

A terceirização elimina direitos?

Especialistas consideram que projeto pode trazer mais competitividade ao país e alertam que carteira assinada não será eliminada

Concurso no MA paga até 6 mil

As oportunidades listadas são para cargos de nível fundamental, médio e superior

Os locais com maiores índices de assalto

Moradores ainda reclamam dos constantes assaltos que sofrem em paradas de ônibus e dentro de coletivos, apesar das intensas ações da Polícia Militar para inibir esse tipo de crime

“Se me provocarem, vou sem medo em 2018”, diz Roseana

Em entrevista, a ex-governadora falou sobre a eleição para governador em 2018

Conheça o perfil profissional das empresas de São Luís

Conheça as principais exigências de perfil profissional das empresas da cidade de acordo com o Senac no Maranhão

Mais 306 novos policiais se formam

Profi ssionais serão utilizados para atuar na garantia de segurança e patrulhamento nas cidades de Imperatriz e região

Pimentinha está de volta ao Sampaio

Sem adiantar nomes, o presidente do Tricolor garantiu que está em processo de negociação com mais um meio-campista e dois atacantes

VEJA MAIS