4.6 graus

Terremoto atinge o Maranhão nesta manhã

Abalo sísmico foi sentido mais fortemente em Belágua. Em São Luís há relatos de tremor na região do Calhau, Cohama e Renascença

Reprodução

O Maranhão sofreu na manhã desta terça-feira um abalo sísmico de 4,6 graus, confirmados pelo Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP). O epicentro foi registrado em Belágua às 9h45 e sentido em diversos municípios como Itaperucu, Urbano Santos, Imperatriz e também na cidade de Teresina, no Piauí.

Relatos de tremor de terra também foram sentidos em São Luís, na região dos bairros do Calhau, Recanto do Vinhais, Cohama e Renascença. Durante o ocorrido, alguns prédios da capital tiveram que ser evacuados.

Na sede do Tribunal de Contas do Maranhão os funcionários se assustaram e deixaram as dependências do prédio. O mesmo ocorreu no 7º Juizado Especial Cível, localizado atrás do UniCeuma, no Renascença II. Lá, o expediente foi encerrado e o prédio está isolado. Uma avaliação da estrutura será realizada, para saber se houve danos graves à construção.

Na internet, centenas de manifestações e relatos de tremores em diversas partes do Maranhão e da capital. De acordo com o Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP), os últimos eventos sísmicos significativos de hoje foram registrados até agora em São Luís, Chile e na Índia.

 

Vigilantes do 7º Juizado Especial no Renascença II isolam o prédio após tremor

Confira um vídeo exclusivo de O Imparcial Online, no momento em que vigilantes do 7º Juizado Especial no Renascença II isolam o prédio após o tremor: