OPÇÕES

Cinco ideias para empreender em 2020

É possível, sim, iniciar o próprio negócio com pouco investimento inicial. Confira algumas opções do que fazer

Reprodução

De acordo com os dados da pesquisa GEM (Global Entrepreneurship Monitor), de 2007 a 2017 mais que triplicou o número de pessoas entre 18 e 64 anos que exerciam alguma atividade empreendedora no Brasil: o país passou de 14,6 milhões de empreendedores para 49,3 milhões. Pensando nisso, nós selecionamos algumas ideias para quem quer dar uma guinada profissional e abrir a própria empresa. Inspire-se!

Como decidir o que abrir?
Há muitas coisas importantes que você deve considerar antes de comprometer seu tempo e dinheiro para começar um negócio. O hobby, ao contrário do emprego, é escolhido porque traz prazer e, portanto, se você conseguir transformar essa atividade prazerosa em uma ocupação lucrativa, terá boas chances de ser feliz. Por outro lado, existe um grande risco de se frustrar, desperdiçar tempo e perder dinheiro, caso você aposte em algo inviável, pois, como qualquer outro processo de mudança, o caminho é repleto de armadilhas. “É preciso entender que, ao escolher o hobby como negócio, não quer dizer que vai fazer somente aquilo que gosta. Existem atividades e processos que não são muito agradáveis, mas que precisam ser feitos”, afirma Marcus Marques, mentor de pequenas e médias empresas e presidente do Instituto Brasileiro de Coaching.

Separar as despesas: estratégia chave
O ideal, segundo o consultor em planejamento estratégico Dernizo Pagnoncelli, é que você tenha contas correntes separadas, uma para você e outra para a sua empresa. Assim, você consegue controlar melhor os lançamentos, os pagamentos e os gastos. Se puder, conte com um bom contador. Ele vai ajudar você a separar direitinho o que é seu e o que é da empresa.

É possível começar com pouco dinheiro?
Sim! Para isso, Henrique Mol, presidente da holding Encontre Sua Franquia, aconselha buscar um modelo de negócio que não requer uma superinfraestrutura ou até mesmo algo se enquadre no modelo home office. “Buscar soluções que seu ciclo de relacionamento possui necessidade pode ser um facilitador para o seu desenvolvimento inicial”, afirma. A seguir, veja nossas sugestões do que fazer.

Franquia de pagamentos
Não é preciso investir uma fortuna para ser o dono do próprio negócio. Na Acqio, maior rede de maquininhas de cartão do mercado, você só precisa dar uma entrada de apenas R$ 500 para se tornar um franqueado. Embora o investimento inicial seja baixo, há um alto potencial de ganho e as maquininhas não param de crescer, já são mais de 100 mil clientes pelo Brasil. Além disso, na Acqio, o franqueado ganha comissão quando vende a máquina e também sobre o faturamento gerado por elas. E mais: a franquia de pagamentos permite início imediato após as formalizações e assinatura do contrato.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias