CORONAVÍRUS

No Maranhão

3418
182944
175774
3968
AMAC

Festival das Tulhas terá primeira versão online

O evento irá valorizar toda a cadeia produtiva envolvida na arte de cozinhar, do artesanato ao empreendimento turístico

Reprodução

Acombinação do tempero, frutos do mar, frutas e outros elementos da gastronomia maranhense, com a sua base na cultura tradicional indígena, africana e europeia são fontes de inspiração para a 4ª Edição do Festival das Tulhas, que tem como tema as Grandes Descobertas. O evento ocorrerá virtualmente pelo Instagram e Youtube do evento, do dia 13 a 15 de outubro, realizado pela Associação Maranhense de Artesãos Culinários – AMAC, em parceria com os mais conceituados representantes dos diversos setores, público e privado do Maranhão.

A iniciativa pretende gerar troca de conhecimento e experiências, criação de redes de relacionamento entres pessoas, empresas e instituições através da cultura gastronômica, promovendo o que é do Maranhão e apresentando tecnologias da produção de alimentos, envolvendo organizações, produtores, estudantes e pesquisadores das cadeias produtivas da cultura da gastronomia, até profissionais da agricultura, da culinária, do turismo e da comunicação e comunidade interessada.

O festival terá ainda a participação de chefs do Maranhão e de todo o Brasil, de renome nacional e internacional, além de cerca de 120 convidados, com sommeliers, mixologistas, mestre cervejeiro, pesquisadores, técnicos, empresários do ramo gastronômico, de bebidas, de cerimonial alunos, jornalistas, designers, artesãos, representantes de instituições do Turismo, do poder público e de ensino.

O chef Paulo Machado compartilhando técnicas, enquanto a chef Alejandra Maidana prepara prato feito com porco preto, no espaço Água na Brasa

Sabores do Maranhão

O Festival das Tulhas 2020 pretende aguçar as memórias afetivas dos participantes, do sabor, do cheiro, troca de experiência, é o que promete Júnior Ayoub, idealizador e coordenador do evento, membro da AMAC, “Contaremos a história que cada um de nós tem construído a cada dia. Dividiremos, com todos, nossas experiências, vivências, seja nos mercados do mundo, na cozinha, no balcão do bar, colocando água na brasa ou a mão na massa, sempre exercendo a arte de receber bem, harmonizando, ao vivo e em cores, gravado em vídeos, áudios ou textos e até mesmo com fotos, músicas e danças. Deixando nosso estado no mapa”, descreve.

Do virtual ao presencial

A programação – composta por vídeos, intercalados por lives, ao longo de três dias, de 9h às 21h – irão ter os seguintes objetivos:

  • Divulgar ingredientes, produtos e serviços relacionados à gastronomia;
  • Promover a vivência no Mercado das Tulhas;
  • Dialogar sobre Turismo de Experiência;
  • Discutir a produção cultural e econômica de comunidades tradicionais para a culinária contemporânea;
  • Promover o intercâmbio de conhecimento entre os diversos agentes empreendedores, profissionais da gastronomia e produtores;
  • Articular a formação de rede criativa para cooperação entre diversos organismos e atores sociais com interesse na economia da cultura e da gastronomia;
  • Incentivar a agricultura familiar e a produção sustentável;
  • Estimular o empreendedorismo e a inovação.

Acompanhe as novidades no instagram @festivaldastulhas.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Gastronomia
Entretenimento e Cultura
Esportes
Polícia
Mais Notícias