O CAMPEÃO VOLTOU

Brasil supera o Peru e é campeão da Copa América

Com a vitória por 3 a 1, a seleção brasileira de futebol masculino conquista seu primeiro título sob o comando do técnico Tite

Reprodução

Neste domingo (07), a seleção brasileira de futebol masculino, enfrentou a seleção peruana, no estádio Mário Filho (Maracanã), no Rio de Janeiro, pela final da Copa América. O placar de 3 a 1, com gols de Gabriel Jesus, Éverton Cebolinha e Richarlison pelo Brasil e Paolo Guerrero, pelo Peru, deram ao Brasil o nono título de Campeão deste torneio.

Primeiro tempo

No primeiro tempo, a seleção peruana tentou surpreender o Brasil com uma marcação avançada, pressionando a seleção brasileira no campo de defesa, mas não conseguia criar boas oportunidades de ataque. Mas em jogada pela direita, Gabriel Jesus após um lindo drible, cruzou a bola no pé de Éverton Cebolinha, que empurrou a bola para o fundo do gol.

O Peru sentiu o golpe e o Brasil dominou o jogo com bons passes e com a posse de bola no meio de campo. Porém, após um descuido da seleção brasileira, o Peru conseguiu uma boa jogada pelo lado direito, em um cruzamento pra área, Thiago Silva caiu com a mão na bola e o juiz apitou o pênalti. Paolo Guerrero, colocou a bola na marca da cal e não perdoou, Allison para um lado e a bola do outro e 1 a 1 no placar.

A alegria peruana não durou muito tempo. Arthur, volante brasileiro serviu Gabriel Jesus pelo meio, que saiu na cara do gol. O centroavante brasileiro não desperdiçou a chance e marcou o dele, no final do primeiro tempo, com o Brasil na frente por 2 a 1.

Segundo tempo

A segunda etapa da final foi mais disputada. A seleção peruana, assim como no primeiro tempo, entrou pressionando o Brasil, mas a seleção brasileira conseguiu manter a calma e continuava com a posse da bola.

Em uma jogada próxima à lateral, Gabriel Jesus, subiu e, após contato físico com um jogador peruano, recebeu o segundo cartão amarelo na partida e consequentemente foi expulso, recebendo o cartão vermelho.

O Peru veio pra cima! O técnico Gareca colocou o time pra frente escalando três jogadores de ataque para tentar o empate. Mas no futebol, atacar a qualquer custo também significa se expor aos contra ataques. Em uma jogada de velocidade de Éverton Cebolinha, o craque do Grêmio, entrou driblando na área e foi derrubado, o árbitro marcou um pênalti polêmico para o Brasil. Richarlison, que durante a Copa foi acometido por uma caxumba, substituiu Roberto Firmino na segunda etapa e foi cobrar o pênalti. O goleiro peruano acertou o canto, porém, a cobrança foi bem no cantinho, sem chance para o arqueiro, 3 a 1 para o time da casa.

Após o gol, a seleção do Peru não conseguiu se recuperar e o Brasil controlou o jogo até o apito final, com direito a gritos de “olé” e “o campeão voltou” por parte da torcida no Maracanã. Com essa vitória, a seleção brasileira conquista seu primeiro título sob o comando do técnico Tite.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias